24 de jan de 2011

ENTRANDO E SAINDO - 24/01/11


ENTRANDO E SAINDO
Mensagem de Lauren C. Gorgo,
11 de Janeiro de 2011

“Nós gostaríamos de felicitar a brigada dos guerreiros pela vossa emergência colectiva para a verdade, seres autênticos de luz. O ano de 2011 é um em que aqueles da autêntica descendência espiritual, actualizada, surgirão como os líderes ressuscitados do novo paradigma… aqueles que serão seguidos para um novo dia.” Conselho Superior Pleidiano
Feliz Ano Novo!
Podeis acreditar que conseguimos ir para 2011? Eu lembro-me seriamente de em 2006 pensar … “como é que vamos conseguir passar por outro ano como o presente” … e muito menos mais cinco. PUF
Para todos os pavimentadores de caminhos e pioneiros da nova linha do tempo… reconhecidos, tem sido muito esquisito calcular a viagem agora com a crescente compressão do tempo… mas, de algum modo, de alguma maneira, todos nós fizemos isto juntos colectivamente (verifique todos os dez dedos das mãos e dos pés). A última década de expansão da consciência aconteceu tão incrivelmente depressa, contudo, morbidamente devagar… parece como se ontem fosse há muito tempo atrás, mas tivesse passado num instante.
E, apesar da maior parte da jornada para este ponto ter sido semelhante a correr de cintura na lama, se olharmos para trás para o contraste de quem éramos antes de, ingenuamente, embarcarmos nas angústias das nossas almas, a mente a soprar para ver, sentimos e compreendemos o ritmo e o resultado da nossa evolução pessoal até agora. (E nada evidencia este contraste como uma visita de Natal com a família… Credo) A um nível pessoal, é surreal pensar que comecei a escrever estas coisas nos meus vinte… e agora é como se eu tivesse 88 … em anos de cão. Parece como se tivesse vivido 20 vidas nas últimas dez … semanas.
Embora o tempo esteja a tornar-se crescentemente mais irreal a cada hora… e irá acelerar 20 vezes para as massas este ano… as coisas vão começar a nivelar-se para cada um de nós, individualmente, à medida que formos capazes de abrirmos pessoalmente caminho para novos caminhos. Uma vez que encaixemos… quero dizer, alinharmos os nossos corações/mentes (fusão masculino/feminino), a sensação do tempo a correr atrás de nós, ou da respiração ofegante para recuperarmos o nosso atraso e das nossas vidas, deixará de existir… de facto, quando estamos a funcionar plenamente a partir do espaço de não-tempo, ironicamente teremos mais controlo sobre o tempo do que sempre soubemos ser possível. Mais sobre isso abaixo.
O que está por vir?
Apesar de já não existir tal coisa como a previsão (desde que nós estamos a criar tudo agora a partir do zero), eu estou a ouvir que 2011 irá ser um ano de rápida transformação para muitos … um ano de nos separarmos fisicamente de tudo o que já não nos serve mais, enquanto nos movimentamos mais profunda e rapidamente para o fluxo de todas as coisas boas.
Até agora as nossas transformações têm sido, para a maior parte, internas. Em 2011, começamos a atravessar uma nova era através da consciência da co-criação… o alinhamento completo de todos os nossos corpos (espiritual, mental, emocional e físico) capacitando a plena descendência da nossa mestria espiritual para a forma, e resultando em manifestações exteriores das nossas transformações interiores. Isto significa que se torna absolutamente vital e essencial que os nossos pensamentos sejam claros e em alinhamento com quem nós realmente somos e o que nós realmente queremos.
Desde os eclipses, nós estamos definitivamente em território (desconhecido) novo… O espaço exigido para sermos tudo o que viemos aqui para ser e fazermos tudo o que viemos aqui para fazer. Mas ainda temos alguns alinhamentos /interiores/exteriores e integrações para fazer (mais provavelmente até ao equinócio de Março) antes disto se tornar totalmente claro para nós. Dito isto, começaremos a ver grandes pedaços da nossa vida nova em plena vista e aterraremos em alinhamento perfeito a partir do meio de Janeiro, se isto não está já visível para vós.
Este eclipse portal sanduíche inacreditavelmente poderoso que nos afastou do nosso passado para o bem, criou uma separação massiva entre a nossa velha identidade e o nosso novo sentido da verdade. Podeis não vos reconhecer até mesmo em relação a essa pessoa que éreis 6 semanas antes e através de incessantes auto-questionários e re-questionários podeis ter mais realizações e clareza que estão a apoiar a vossa confiança para serdes quem verdadeiramente sois agora.
O vazio criado a partir do período do eclipse foi para nos preparar para redireccionarmos o nosso foco para a nossa vida e funções, o que quer dizer abraçar mais dos nosso verdadeiros eus e deixarmos para trás algumas daquelas coisas que “pensámos” que devíamos estar a fazer ou, pelo menos, obrigar-nos a olhar objectivamente para o que é real e para o que queremos realmente trazer connosco para o novo.
A maioria de nós construiu uma quantidade sólida da nossa base para as nossas vidas novas, contudo, em alguns casos as últimas 6 semanas obrigaram-vos a demolir e a reconstruir algumas partes dela. Isto pode ter sido aos solavancos, no entanto seria bem pior a luta nesta realidade nova que estamos apenas a começar a perceber.
Às 04.00 desta madrugada, os Pleidianos disseram-me: “ se a tua vida tem a ver com tornares-te tudo o que sempre sonhaste, o que precisarias de fazer neste momento para te preparares? Aqui é onde o teu foco precisa de estar.”
Embora eu ainda esteja a processar esta questão colossal, a minha sensação é que estas preparações … o que quer que tenhamos deixado para resolver ou expor nas nossas vidas … é fundamental para o sucesso da nossa descolagem… que quaisquer pormenores inacabados inibirão a nossa capacidade para voarmos.
Para além da auto-alimentação e receber que os nossos corpos ainda precisam, somos também incitados a aplicar a estrutura da energia do masculino, da disciplina e da organização nas nossas vidas … para reforçar o navio e ancorarmos plenamente as nossas fundações de modo a estarmos prontos para zarpar livremente. Não se trata de uma coisa divertida, é trabalho duro, mas precisamos tê-lo em consideração e em ordem para o nosso futuro… mesmo que não possamos ver tudo o que está no outro lado disto ainda.
As boas notícias é que os nossos corações (feminino) se tornaram tão afinados e em igual poder com a nossa vontade quase reduzida a pó (masculino), que é mais fácil determinar agora onde é que necessitamos de colocar a nossa energia e quando tomarmos medidas inspiradas quando solicitados. Do mesmo modo, tornámo-nos agudamente conscientes do que devemos absolutamente ter nas nossas vidas para que possamos efectiva e rapidamente extirpar tudo o que não queremos.
Intensificação
Todas essas incansáveis dores do crescimento… em especial nos últimos 3 meses … têm as suas recompensas. Embora 2010 fosse um ano de realizações internas e externas decepcionante, a coisa mais importante que ele nos deu foi a capacidade de nos retirar todas as pretensões e de nos tornarmos, sem excepção, exactamente quem viemos aqui para ser. Este ano será como se nos tivéssemos completamente descompactado de tudo o que nós pensámos que éramos para que pudéssemos reforçar quem realmente somos.
Sim, este ano todos vamos ter os nossos momentos “Tootsie” em que vamos retirar as nossas perucas e expor-nos ao mundo na nossa forma mais verdadeira. Isto não será provavelmente nada como esperamos, mas irá resultar da incapacidade para nos escondermos ou permanecermos, de algum modo, não autênticos. Este processo vem acontecendo lentamente ao longo de muitos anos… tanto no macro como no micro…, mas em 2011 isto será mais óbvio do que nunca. Tem sido um incessante trabalho em curso para nos sentirmos suficientemente seguros para nos tornarmos mais transparentes, para nos permitirmos ser vistos com todas as nossa imperfeições e darmos transparência à nossa voz. Agora, não temos literalmente escolha a não ser sermos fiéis connosco mesmos, envolvermos o nosso pleno potencial ou sofrermos a reacção contrastante num instante de uma maneira imediata e brutal.
A necessidade de nos tornarmos autênticos tem estado a rodear-nos como uma escola de tubarões nos últimos dois meses… especialmente no que se trata da nossa paixão, propósito e potencial. Nós recebemo-lo com uma onda de energia MASSIVA que serviu para remover alguma meleca de última hora na preparação para o ano novo. O buraco oco do período do eclipse lunar ao eclipse solar serviu para remover quaisquer restos de vestígios da nossa identidade egóica para que pudéssemos tornar-nos mais puros, limpar os reflexos da nossa singularidade enquanto nos preparamos para direccionar muito mais da nossa atenção e energia para as nossas criações terrenas novas.
É hora de intensificar. Os nossos papéis estão a mudar para se adaptarem às novas frequências e, embora isto signifique mais semanas cansativas de desligar, de actualização e afinação, irá resultar na nossa capacidade de emergirmos e permanecermos plenamente alinhados enquanto entramos no mundo … para encontrarmos a nossa voz mais verdadeira e reunir a coragem para a usar.
Saindo
“O momento em que cada um de vós decidiu colocar o vosso foco na fisicalidade foi o momento em que decidistes tomar parte no maior salto evolutivo da consciência humana.” CSP
Nos próximos dias do final deste ano de transformação (o 9º e último nível de consciência de acordo com o Calendário Maia, que vai começar cerca de Fevereiro/Março de 2011 e será concluído a 28 de Outubro, 2011), e antes da anunciada libertação da terra do portal galáctico através da realização deste ciclo evolutivo, aqueles que se têm vindo a preparar a si mesmos para liderar o planeta e o seu povo para a 5ª dimensão vão fazê-lo em massa. Isto quer dizer que, aqueles que estiverem activados e sintonizados com a nova linha do tempo, estarão a entrar em funções de serviço activo (jogar) … fazendo ouvir as nossas vozes e recuperando o nosso poder para liderar pelo exemplo.
Isto significa uma coisa em particular: hora de passarmos da nossa teoria à prática.
“… aqueles que se tornaram os mestres aperfeiçoados do seu mundo interior vão exibir muitos dos seus novos dons e traços agora no vosso mundo exterior. Aqueles plenamente conectados com os seus sistemas de orientação interiores serão fortemente incitados a reunirem-se com outros de mente e vibração semelhantes para apoiar os ensinamentos das mudanças da nova terra para aqueles que estão ainda a seguir qualquer fonte fora deles próprios…, pois eles começarão a despertar para a verdade este ano e começarão a ver novas formas de compreensão que estarão mais em alinhamento com os caminhos do coração da 5ª dimensão.” – CSP
Muitos que lêem isto estão aqui para ensinar de algum modo, mas tende em mente que esse ensino tomará muitas formas diferentes que incluem: acção pessoal, escrever, falar, criatividade, media/arte/filmes, ciência e ainda aplicações de amor incondicional interactivo (actos de bondade) que serão ensinamentos inspirados em acção.
“Aqueles de vós que sempre gravitaram para as artes e ciências da criação terão saudades de vos reconectardes com as vossas raízes… com a vossa base interior que tem sido recuperada através do vosso processo pessoal de ascensão. Aqueles de vós que sempre gravitaram para as ciências sociais, públicas e políticas serão também atraídos para vos reconectardes com o vosso plano original através da activação do vosso ácido especificamente codificado desoxirribonucleico (ADN) que está programado com o vosso código fonte individual … a intenção original da vossa centelha da alma para estes momentos importantes.” – CSP
Por outras palavras, tal como o eclipse sanduíche, nós estamos agora prontos para activar o nosso próximo nível de serviço e finalidade superior como participantes na nova cronologia da criação da 5ª dimensão.
O que significa isto?
Todos os tipos de coisas ainda desconhecidas para nós, bem como aquelas para as quais temos trabalhado conscientemente…. Coisas que iremos criar baseados na nossa nova clareza e entendimento de nível superior como humanos galáctico-divinos plenamente integrados explorando e implementando as nossas capacidades humanas novas. Este ano estaremos a envolver-nos nos dons e graça do espírito na forma, enquanto redireccionamos colectivamente a consciência humana para um nível superior de potencial e de possibilidades.
Em termos terrestres, isto significa que vamos finalmente ter os meios energéticos para apoiar as nossas intenções de longa data, as capacidades do nosso eu DIVINO plenamente actualizadas, conforme trazemos a plena essência dos desejos na nossa alma para a forma física. À medida que assumirmos papéis maiores na vida, estaremos a passar o ano a afinar os nossos talentos na manutenção do equilíbrio nos campos da união/unidade.
Este equilíbrio vem estritamente do centro do coração … alinhando-nos com o nosso sentimento baseado no sabermos em cada momento, independentemente do mundo exterior. Conforme o fazemos, conforme não vacilamos na nossa capacidade para permanecermos neutros em relação aos eventos exteriores e circunstâncias turbulentas, também exibimos o exemplo requerido para levar os outros para a paz, para a harmonia e para o estado de consciência expandida necessário para ascender para lá das dimensões da polaridade.
O Conselho Superior Pleidiano traz isto para a nossa atenção com a finalidade de entendermos mais claramente os nossos papéis como mostradores de caminhos, de estarmos aqui para conduzir os outros através da nossa centralidade, não-reacção e compreensão pacífica das muitas alterações e circunstâncias resultantes ainda por vir. Na maioria dos casos, não será necessário que façamos ou que sejamos nada mais do que aquilo que já somos… pois nós já somos tudo o que é necessário.
Novo Entendimento do Espaço/Tempo
A nossa relação com o tempo está/tem vindo a mudar desde há algum tempo, mas agora os cientistas estão a começar a descobrir que o próprio tempo é mutável e, portanto, maleável. Esta descoberta levará a muitos avanços novos na tecnologia, a começar este ano, que irão revolucionar o nosso mundo… principalmente por meio da indústria. Para a próxima década ou assim, este ramo da ciência será altamente estudado e oferecerá à humanidade a prova necessária para avançar para uma nova compreensão do tempo e do espaço e de como isso se relaciona com a nossa evolução pessoal e colectiva.
Até este ponto particular do tempo, os seres humanos compreenderam a evolução apenas através de um calendário linear… o que significa dizer: passado, presente e futuro. A partir deste entendimento, nós crescemos a aprender que essa evolução exigia a passagem do tempo. A 5ª dimensão não é espacial nem é temporal. É antes uma dimensão que traz o espaço-tempo para uma relação com o intemporal e eterno… assim, a partir da 5D “para cima”, o tempo em relação com a evolução já não é necessário e os seres humanos que foram para além da criação cármica (baseada na polaridade) serão capazes de mudanças quânticas que são vibratórias por natureza … em que a energia é proporcional à frequência na magnitude.
Numa matriz/unidade de tempo não polarizada, podemos ver a inter-conectividade entre todas as coisas, assim a evolução ocorre colectivamente… para além dos limites do auto-definido ego, que está em relação consigo mesmo e em que a compreensão do amor colectiva ou em grupo, a vida e os objectivos devem ser harmonizados.
Visto que o caminho espiritual ou ascensão envolve a desconexão dos traços da nossa personalidade/ego, naturalmente aqueles com uma compreensão desta ciência /energia avançarão conscientemente para o novo dia com maior facilidade, alegria e antecipação, enquanto os que não têm esta compreensão poderão fazer uma espiral de confusão e medo através da percepção da ameaça e perda da identidade pessoal. De novo, será para os mostradores de caminhos… aqueles que entendem, que actualizaram as suas visões… para conduzirem o caminho para a humanidade. (sem pressões J)
Um Mundo da Nossa Responsabilidade
“Bem-vindos à era da co-criação! Esta é uma era de valores definitivamente definidos e aceites para com o bem maior … uma era de compreensão das necessidades do todo através da nutrição e desenvolvimento de cada indivíduo. Esta é a era de criar através da intenção que é sujeita às leis universais da atracção e da reciprocidade … um tempo em que as coisas são possíveis, não apenas por mera vontade, mas por consentimento vibratório e universal. Este é o momento da verdade… de entrarmos tão plenamente nos nossos seres verdadeiros que falhamos em ver qualquer coisa que esteja para além do que é real e verdadeiro.
Para aqueles de vós que se unirão nos recursos partilhados da 5ª dimensão, dizemos … bem-vindos a casa! Temos estado à vossa espera há muito “tempo”!
Nós somos o Conselho Superior Pleidiano e com grande amor profundo estamos ansiosos para acompanhar a vossa cruzada nova para um entendimento ainda maior.”
Aos nossos próximos, primeiros passos!
Lauren

ThinkWithYourHeart.net
Direitos de Autor © 2009-12. É concedida permissão para copiar e redistribuir esta transmissão na condição de que o seu conteúdo permaneça completo e intacto, sejam dados os devidos créditos ao(s) autor(es) e este seja distribuído livremente.
Tradução: Ana Belo – anatbelo@hotmail.com

Gostou! Indique para seus Amigos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário