19 de set de 2010

VOANDO NAS ASAS DA ÁGUIA - 17/09/10


VOANDO NAS ASAS DA ÁGUIA
Uma mensagem de Arcanjo Miguel por Carolyn Ann O’Riley
5 de Setembro de 2010

Bem-vindos! Bem-vindos! Bem-vindos! Meus Belos Seres de Luz, na recolha da mensagem deste mês.
Este Mensageiro ama conectar-se com os leitores, quer na leitura destas mensagens como também quando O chamais. Se não haveis percebido tudo o que é preciso para requerer a presença deste Mensageiro basta solicitar, seja mental seja verbalmente, pela Sua assistência.
Este Mensageiro estará imediatamente lá junto de vós, pronto para escutar ou emprestar apoio em qualquer sentido que seja para o vosso mais elevado bem. É uma honra para este Mensageiro estar ao vosso serviço, Meus Amados.
O Criador envia-vos amor incondicional. Fechai os olhos e senti a onda de amor incondicional a circular à volta da vossa forma física enquanto leis esta mensagem. Senti o calor, a devoção e o amor incondicional por tanto tempo quanto seja confortável para vós. Vós sois tão amados, Meus Queridos.
Existe tanto caos e tumulto ao longo do Plano da Terra neste momento do AGORA. Vós, Meus Divinos Seres de Luz, sois algumas das mais antigas, das mais sábias e veneradas almas permitidas no Planeta Terra neste tempo. Vós haveis-vos voluntariado para esta tarefa de testemunhar as mudanças a ocorrer, não apenas no vosso pequeno planeta azul Gaia, mas também dentro de todo o Omniverso.
Há tanto a acontecer que vós, Meus Divinos Seres de Luz, estais a ser pressionados e puxados como se estivésseis num cabo de guerra. Na verdade, é quase exactamente como um cabo de guerra. Muitos estão a tender para que haja um Apocalipse por causa das antigas escrituras e predições. Muitos têm visto no vosso Coração Espiritual dos Corações que estas visões não têm que ser manifestadas.
Tanto do globo físico tem estado em guerra uns com os outros, durante tanto tempo, que é realmente muito difícil para esses habitantes guerreiros entenderem o que uma verdadeira visão da paz poderia parecer, ainda que remotamente.
O que vós temeis aproximais de vós, Meus Amados.
Cada um de vós está a evoluir a uma velocidade empenada. Oh, sim, há alguns que estão a arrastar os seus pés e a recusar-se a despertar, mas sempre haverá. Nunca haverá uma maioria de 100%, Meus Amados. Isto não é, simplesmente, como o processo se vai desenrolar.
Haveis visto mudanças climáticas, mudanças terrestres e rupturas naturais de todas as maneiras. Fazem parte do Plano Divino Mestre do Criador, Meus Queridos. Tudo está em perfeita e Divina ordem. Todos os que aqui estão neste momento no AGORA concordaram em participar, Meus Divinos Seres de Luz, neste Jogo do Plano da Terra. A vossa visão combinada da Paz Pristina foi muito anterior, quando o Criador concebeu primeiramente o Plano Divino Mestre. Todos os que estão na Terra neste preciso momento rememoraram, previamente, o Plano Mestre Divino e concordaram em seguir o Roteiro Divino, Meus Amados.
O vosso nome está a ser chamado no Céu, Meus Divinos Guerreiros da luz, vós sois heróis. Estais a receber ovações das vossas Famílias Espirituais pela vossa coragem e bravura por vos haverdes voluntariado para uma missão tão stressante. Aqueles que estão a deixar o planeta, seja individualmente seja em massa, cumpriram as suas partes no Puzzle Divino, Meus Queridos. Terminaram as suas tarefas e estão todos a observar para verem o resultado.
Vós nunca estais sós, Meus Divinos Seres da Graça. Cada um e todos vós estais a receber, adicionalmente, uma centena de Anjos para vos acompanharem até que as vossas tarefas sejam cumpridas no Plano da Terra. A Missão dos Anjos Divinos é infundir amor e calma directamente para os vossos Corações Espirituais, Meus Divinos Seres da Graça. Aceitai esta dádiva e começai a convidar estes maravilhosos membros da Equipa de Assistência Angélica para o vosso Chacra Espiritual do Coração. Pedi-lhes que vos ajudem a encontrar a paz que sabeis que está em algum lado do vosso Chacra Espiritual do Coração, enterrado debaixo do medo que precisa de ser libertado para não traçardes aquelas imagens visuais do medo do Apocalipse para vós, para o planeta ou para quem quer que seja.
O momento é AGORA de mudardes a vossa visão para uma visão de calma e de paz com tudo na Perfeita Ordem Divina. Antecipar esta visão, Meus Queridos, é a chave. As cores para incorporar a calma e a paz são os rosa, os rosa intensos e magentas salpicados com ouro metalizado.
Ide profundamente dentro de vós e puxai esta visão do futuro, Meus Queridos. Vede, na vossa própria imaginação, milhões de outros Olhos das Mentes Espirituais juntando-se a vós nesta visão. Dentro deste campo de visão, vede a nuvem de calma e de paz começar a preencher toda a área da superfície. Colorai essa nuvem de calma e de paz com folhas de ouro metálico e permiti que tudo o que não está em paz seja transmutado. Estas visões, Meus Amados, não são violentas nem são visões de guerra, assim, mantende isso fora das vossas percepções enquanto coloris essas imagens de calma e de paz. Estas imagens elevarão os que ainda estão incipientes e que se debatem ainda, Meus Amados, e permiti que o amor os eleve e com a maravilhosa ajuda de Deus transmutai depois os detritos que ainda os mantêm presos, sem violarem o seu livre arbítrio.
Permiti que este Mensageiro vos conduza numa jornada de meditação.
Acomodai-vos na vossa cadeira ou deitai-vos numa cama para que estejais confortáveis. Evitai cruzardes os braços e as pernas, tanto quanto possível, porque isto bloqueia o fluxo de energia. Cobri-vos com uma manta de luz, se arrefeceis com facilidade. Queremos-vos confortáveis e serenos por um tempo enquanto viajais dentro de vós mesmos através da meditação.
Fechais os olhos e, de modo confortável, respirai profundamente, depois expirai de modo confortável tão vigorosamente quanto possível. Com cada inspiração, estais a inspirar o amor. Com cada expiração, estais a exalar o medo e a dúvida. Fazei outra inspiração funda, de modo confortável, e confortavelmente exalai deixando ir apenas todo o stress. De novo inspirai fundo confortavelmente e, em seguida, expirai soltando tudo com um suspiro conforme ides exalando todas as frustrações do dia.
Senti o vosso corpo a descontrair desde os dedos dos pés até ao topo da cabeça. Concedei-vos permissão para sentirdes a calma e a paz. Os vossos músculos sentem-se soltos e flexíveis, tão descontraídos, tão deliciosamente serenos, tão maravilhosamente preguiçosos.
Dirigi o vosso ego para sobre o vosso ombro esquerdo. Instrui-o de que ele é apenas um observador nesta jornada, não um participante. Se for útil visualizar o vosso ego identificando-o com um símbolo ou um objecto, por favor fazei-o.
Na vossa imaginação, orai ao Criador para que vos envie um Raio de Luz Branca protector, dizendo mentalmente qualquer coisa como isto “Meu Criador, peço-Vos que um Raio protector de Luz Branca me envolva e me eleve para que eu experimente as mais elevadas vibrações nesta jornada para o meu mais profundo interior de compreensão e de Ser. Eu estou a proteger-me, Meu Criador, de alguma coisa que não seja para o meu bem superior nesta jornada. Eu Vos agradeço, Meu Criador, por me assistirdes enviando-me este Raio. Eu visualizo-o na minha imaginação vindo neste momento através do canto da área em que estou a meditar. Ele está a entrar na minha forma física, permeando tudo o que está na minha presença Eu Sou”.
O Criador responde às vossas preces e oferece-vos um Raio Branco Iridescente mais dois Raios Dourados fluidos, um Raio Rosa Intenso, um Raio Rosa e um Raio Magenta para esta viagem. Os Raios penetram nos vossos corpos através das solas dos vossos pés e deslocam-se ao longo do vosso recipiente físico, permeando por toda a parte os vossos campos etéreos de energia & receptáculo físico, e todos os cantos da área actual em que estais a meditar; de seguida, os raios saem através do vosso Chacra da Coroa. Os Raios estão a regressar ao Criador e voltando de novo para vós e de novo para o Criador numa contínua laçada circular. Estes raios terapêuticos protectores estão em contínuo movimento circular enquanto estais a meditar.
Vós sois divinamente protegidos neste momento e nada pode sequer comunicar convosco que não seja para o vosso bem superior, sem a vossa autorização.
Meus Divinos Seres de Luz. Vós respirais de modo muito lento e equilibradamente, agora estais a sentir-vos seguros e protegidos.
Inspirai profundamente, Meus Lindos Seres de Luz, e senti a sensação de leveza e de descontracção por serdes protegidos & divinamente guiados nesta meditação. Inspirai profundamente e sabei que estais a inspirar a Pulsação do Criador. Escutai o batimento do Coração Espiritual do Criador e senti o amor incondicional que flui através de vós de cada vez que pensais neste momento.
Inspirai profundamente permitindo e vendo na vossa imaginação espiritual os vossos Anjos da Guarda e convidai os Guias Espirituais conforme Eles se juntam a vós. Os Anjos tomam a essência das vossas mãos etéreas e guiam-vos para fora do vosso corpo físico, dirigindo-vos para o Chacra Espiritual do Coração. Um Anjo fica junto da vossa essência física até que regresseis desta jornada meditativa.
Vós estais a ver, a sentir e a percepcionar isto na vossa imaginação, os vossos Anjos da Guarda, Guias Espirituais e os convidados especiais estão neste momento no vosso Chacra Espiritual do Coração convosco. Os vossos Anjos e Guias ajudam-vos a localizar a Porta Dourada que diz “Para a minha Orientação Interior Mais Elevada”, vós rodais a maçaneta etérea da porta e atravessais o limiar sabendo que estais numa aventura espiritual de crescimento.
Encontrais-vos num Corredor de Mármore Branco. Os vossos Anjos entregam-vos um casado de couro de voo, óculos protectores, um lenço de pescoço, e vós correis o corredor abaixo até à porta à esquerda. O rótulo na porta diz “Secção do Voo da Águia”.
Abris a porta e atravessais o limiar e, diante de vós, está uma maravilhosa enorme águia careca com uma pequena sela nas costas. O assento deste belo pássaro tirou-vos o fôlego. Vós avançais e saudais a águia. A águia diz-vos que o seu nome é Alberto e que tem o maior prazer em ser a vossa águia de voo de serviço para hoje. Foi trazida e colocada perto da águia uma escada para que vós possais subir para a sela.
Estais muito entusiasmados nunca, nem em um milhão de anos, vós haveis pensado que voaríeis com uma águia. Que maravilhosa experiência será.
Os Anjos selaram-vos e avisam Alberto de que ele pode descolar para o vosso Palácio de Cristal. Alberto espalha as suas enormes asas e levanta voo. Podeis sentir as correntes de ar fluindo sobre as asas da águia.
Abaixo vós vedes, à distância, o vosso Palácio de Cristal, o prado e a maravilhosa montanha onde se localiza o vosso Palácio. O vosso Jardim da Serenidade está lá também. A águia chega num instante e aterra mesmo junto ao vosso heliponto. Os Anjos ajudam-vos e descer e agradeceis a Alberto pelo maravilhoso voo. Alberto diz-vos que o prazer foi todo dele e que foi uma honra transportar um herói.
Um dos Unicórnios Dourados saúda-vos e dá-vos as boas-vindas ao Jardim da Serenidade. O nome do Unicórnio dourado é João e acompanha-vos até ao Palácio de cristal. Lá, vós vedes a porta dourada da frente com todos os nomes que haveis tido desde o vosso nascimento na Criação. Quando estiverdes prontos podereis ser capazes de ler alguns dos nomes encarnados, bem como o nome que haveis recebido no momento do vosso próprio nascimento na Criação. Alguns dos nomes virão em símbolos, alguns em línguas estrangeiras e por aí fora. Haveis vivido muitas e muitas vidas e sois recordados.
Rodais a maçaneta da porta dourada e entrais no hall de entrada. O chão está coberto de belos pontos coloridos da luz refractada através do cristal acima.
Tomais alguns minutos e ides junto de cada cor para a saudar e receber uma mensagem, se isso for apropriado para vós neste momento do AGORA.
Conforme vos aproximais do final dos pontos coloridos, olhais para baixo do hall e vedes uma construção em curso porque vós estais sempre em evolução e em construção.
Virais à vossa esquerda e encontrai-vos no vosso maciço santuário central. Olhais à volta deste maciço quarto redondo e vedes as muitas portas que dele derivam. Vedes a primeira porta com luz radiante à volta, e encarais e escutais uma suave música de fundo. A porta tem o rótulo de “O Criador”. A música é quase assustadora porque, em algum lado dos recessos das vossas memórias vós conheceis esta canção, mas não conseguis saber de onde. Sabeis que haveis escutado anteriormente esta canção, mas onde? Os Anjos dizem que esta é a vossa própria canção. A canção foi criada unicamente para vós no momento do vosso nascimento na Criação.
Os vossos Anjos apressam-vos para diante. Dizem-vos que hoje ides visitar um quarto chamado de “O Quarto do Globo”. Virais à esquerda noutro corredor e à vossa direita vedes o quarto. Rodais a maçaneta e atravessais o limiar. Enquanto andais olhais para cima e lá, na vossa frente, está um Globo de cristal gigante. Junto ao globo está uma acolhedora e confortável poltrona de couro velho.
Os Anjos conduzem-vos para vos sentardes. Têm um telefone portátil especial e começam a ligar para um número que liga para todos os outros participantes desta jornada de meditação. Estais agora a concentrar-vos no vosso Globo de cristal gigante. Enquanto todos os participantes se ligam são-vos dadas instruções para começardes a visualizar calma e paz em cores rosa, rosa intensos, magenta e dourado.
O Globo de cristal imediatamente se acende com cores rosa, rosa intenso, magenta e dourado a revolver-se e a girar à volta, dentro e fora da superfície do Globo. As cores coloridas dançam agora nas paredes, no chão e no tecto, bem como através do Globo de cristal. Que espectacular imagem se está a criar, dizeis para vós mesmos que isto é, justamente, aquilo que vós retrataríeis numa meditação com este fim.
Podeis sentir as intenções a crescer cada vez mais fortemente, à medida que o grupo se foca nos mesmos aspectos de calma e de paz. As cores tornam-se mais intensas conforme o treino de pensamento do grupo se funde em Uma mente. Sentis a diferença que isto faz e estais realmente surpresos com a simplicidade deste exercício.
Todo o medo foi neste momento banido de dentro do Grupo e não existe nenhuma dúvida dentro dele de que estais a fazer uma enorme diferença sobre a Terra com este exercício.
Os vossos Anjos dizem-vos como estão orgulhosos por haverdes aceitado o desafio de encarnardes na Terra nesta época. Eles sabem das dificuldades e do stress que são suportados numa base diária e Agradecem-Vos por esta tarefa.
As cores intensificam-se de novo e antes que vos apercebeis surge um enorme clarão dourado. Os Anjos dizem que tudo foi agora transmutado. Vedes as cores que se tornam mais suaves e mais leves. Surge um segundo clarão dourado, conforme os últimos pedaços de detritos dos campos da Consciência de Massa são transmutados em puro amor.
Extraordinário, simplesmente extraordinário, dizeis aos Anjos. Enviais uma mensagem mental para todos os que estão a participar convosco e agradeceis pelos seus esforços. Imediatamente recebeis milhões de respostas agradecendo-vos também e dizendo-vos que, em qualquer altura em que quiserdes voltar a fazer isto de novo para, por favor, os contactardes, eles querem participar de cada vez. Vós replicais a cada membro que gostaríeis de agendar um tempo todas as semanas para fazerdes este mesmo exercício. Todos concordam.
Como é tempo de regressar, por agora a sessão está concluída e vedes, mais uma vez, o Globo como uma larga esfera de cristal. Os Anjos guiam-vos de volta pela porta e pelo hall. Encontrais-vos de volta ao vosso amplo santuário circular.
Os Anjos conduzem-vos de volta ao hall de entrada onde vos despedis, por agora, de todos os pontos coloridos. Abris a porta e encontrais João, o Unicórnio dourado, à vossa espera. João leva-vos de volta para o caminho onde Alberto, a águia, vos espera para o voo de regresso.
A escada está mais uma vez montada para vos ajudar a montar a sela nas costas de Alberto. Quando ele sente que estais seguros, levanta voo. Vós continuais surpresos com a envergadura das amplas asas que esta águia tem e maravilhados com a beleza e graça de Alberto. Dizeis aos vossos Anjos que sempre haveis adorado ver os pássaros a voar. A facilidade e a graça com que eles rodam e se volteiam no ar é tão fascinante.
Alberto aterra e vós desmontais. Agradeceis a Alberto pela sua assistência. Ele agradece-vos pela vossa assistência ao Planeta. Arranca uma pena do peito e dá para as vossas mãos para que vos lembreis sempre de terdes coragem. Agradeceis-lhe este gesto caloroso.
Voltando pelo caminho que haveis feito, reentrais pela mesma porta e encontrais-vos de volta ao hall de passagem. Encontrais-vos imediatamente no Corredor de Mármore Branco.
Vós captais um vislumbre da vossa essência brilhante no espelho e a pena de Alberto está a sair do bolso da vossa camisa. Os Anjos conduzem-vos através da porta dourada do limiar, de volta para o vosso Chacra Espiritual do Coração e, de seguida, Eles ajudam-vos no retorno à vossa essência espiritual e de volta para a vossa forma física.
Mexei os vossos dedos e os dedos dos pés e, quando estiverdes prontos, abri os olhos. Ide para o vosso dia lembrando-vos de que a vossa Superior Sabedoria Interior, o Apoio Angélico e os seus membros estão sempre ao vosso serviço, trabalhando convosco para vos ajudar a alcançar o vosso potencial superior mais apropriado.
Queridos, vós sois abençoados para além das palavras e amados para além das medidas, mais do que qualquer linguagem do Planeta Terra possa alguma vez expressar.
Eu Sou o Arcanjo Miguel, O Mensageiro do Criador, do Amor, da Alegria, da Sabedoria, da Luz, da Paz e da Graça.
________________________________________
Esta mensagem é canalizada e escrita por Carolyn Ann O’Riley. Reservados os Direitos de Autor. Pode ser partilhada com aqueles que sentem que podem ressoar com a matéria fornecida, na condição de que os créditos apropriados sejam respeitados e de que não exista nenhum encargo na sua partilha.
Fonte: www.spiritlibrary.com
Tradução Ana Belo – anatbelo@hotmail.com
Gostou! Indique para Seus Amigos.

18 de set de 2010

MENSAGEM DE SANAT KUMARA


MENSAGEM DE SANAT KUMARA
Súmula da Reunião do Conselho do Carma
Luz na Terra! Luz em vós!

Em manifestação do meu EU SOU SANAT KUMARA, aqui me faço presente, na esfera de irradiação do campo búdico deste canal preparado milenarmente, e na faixa freqüencial deste astral planetário, nesta madrugada subseqüente ao nosso inesquecível encontro intergaláctico, pela causa do glorioso porvir de vosso planeta, para expandir, dos raios de amor de minha mente cósmica manifestada, aos vossos corações terrenos, as decisões e estratégias traçadas para os rumos sagrados da nova civilização terráquea.

Em equipe espiritual, rompendo as redomas da noite escura dos milênios atravessados por este corpo sideral, em direção ao novo reinado da luz perene da Divindade, sobre os portais de redenção planetária, debruçamo-nos todos nós, de muitas constelações e sóis de amparo interdimensional, sobre as questões mais relevantes do momento cósmico pelo qual a humanidade ora se contorce.

Raramente houve Conselho dos Senhores do Carma tão extremamente primoroso! Jamais houve intento igual, sobre a vida futura deste embrião de esperanças, orbitando, pela vontade Divina, nos círculos estupendos de gravitação das moradas desta Via Láctea.

Algo semelhante somente se deu na alvorada primeva deste orbe em desalinho, nos tempos imemoriais em que decidimos embalar sua alma materna de tão sublime abnegação, Gaia, quando já abortando, em dor frustrante, o fruto de seu ventre terráqueo, naquele tempo, disforme e escuro.

Fora o que nos fez mover nossa alma contrita, pelo êxito de sua ampla condição de mananciais naturais que poderiam ser o cenário das experienciações humanas, para vislumbrarmos hoje, em regozijo pelas eras vencidas, o novo parto de Gaia,.

Alijando de suas entranhas a subcriação das mentes humanas, que geraram vida longa aos elementos perniciosos dos submundos astrais, na vestimenta densa de seres devotados ao fracasso da adoção que fizemos de vosso orbe, dará a Mãe-Terra a luz, sincronicamente, em breve, a um novo fruto planetário, a uma nova era de incontáveis alegrias, que virão desabrochar como brotos frescos, nos caules tenros das futuras árvores frondosas, nas manhãs dos novos guardiães da Terra.

Tão repleto de todas as autoridades galácticas esteve esta espetacular reunião cósmica desta data memorável ! Nenhuma alma da Terra jamais viu maior esplendor, tamanha a invisível, para vós, exuberância de matizes, de luzes incomensuravelmente radiantes.

Pela extraordinária aproximação deste glorioso parto planetário da Nova Era deste sobrevivente recanto cósmico do universo, elegemos uma pauta diferenciada para discussões entre os Senhores do Carma, nesta noite pregressa, quando foram convocadas, a meu pedido, outras égides siderais afeitas à nova ordem planetária deste vosso orbe resgatado.

A reunião costumeira do Conselho do Carma teve, portanto, um diferencial na sua pauta, de extensas proporções e, pela desconhecida atribuição de algumas lides especiais que regem as etapas de regeneração planetária, houve a convocação de extremosos seres que zelam especialmente pela nação brasileira, que passa, doravante, a empenhar-se, juntamente aos novos seres que encarnarão em suas terras, pelo exercício da autoridade espiritual sobre vosso planeta, pois que a esta nação coube o acoplamento do "coração cósmico planetário", sob a direção amorosa de Mestra Nada e Jesus Cristo.

Além de todos os tradicionais Elohins e magistrais seres da cúpula extraordinária de intervenção nos destinos e acontecimentos de vidas individuais e de grupos específicos de ação humana, sobre os quais os administradores das fichas cármicas respectivas analisam e avaliam condições de novas e coerentes oportunidades de transmutação de suas deficiências ético-morais- espirituais, na forma de outras modalidades de serviço à humanidade, convocamos em caráter de emergência, conselhos outros de bases intergalácticas e federações articuladas aos propósitos deste específico momento de transição planetária.

Além das Confrarias dos Espíritos Ancestrais da Terra, participaram desta solene convocação, a Falange das Santas Almas do Cruzeiro Divino, a Fraternidade Espiritual da Estrela Ishtar ( Vênus ), a Ordem do Triângulo, da Rosa e da Cruz, as elites de seres regentes do Brasil, como Anjo Ismael, Nossa Senhora Aparecida, Akhenaton, Ramatis, Saint Germain, Jesus Cristo, Maria de Nazaré, Alziro Zarur, Francisco Cândido Xavier, Allan Kardec, Emmanuel, Mestra Nada, Joanna de Ângelis e demais mestres da Grande Fraternidade Branca Universal, além de seres ligados a outras dimensões, de forma atrelada aos destinos da Terra.

O divisor de águas deste novo ciclo da Terra está sendo regido novamente por todas as égides supremas do planeta Vênus, mais conectados fluidicamente aos seus templos respectivos, em determinados pontos da Terra, como em Shamballa e no novo núcleo de operações especiais de Ramatis, que passou a ser, a partir de decisão especial de Anjo Ismael, o ser cósmico que lidera os movimentos espirituais do Brasil, dirigindo a Metrópole do Grande Coração, no astral da nação Brasileira.

Gloriosamente a Terra vai atravessar estes momentos de sua purificação derradeira, abrindo as asas da vitória de nosso intento primeiro, qual fora o de restabelecer este orbe de suas deficiências vibracionais.

O Conselho do Carma do dia 30/06/2010 aconteceu nesta cidade especial de Mestre Ramatis, cidade esta de proporções imensas, beirando toda a extensão do centro deste país missionário, em formato de Cruz , que contém em seu centro um Coração gigantesco, na junção das duas colunas, que evocam, a partir da egrégora dos símbolos supremos originais do universo etéreo, a força miraculosa deste manancial de éteres desconhecidos na sua função de Cruz restauradora cósmica, num mesclado vibrante dos raios púrpuros de Mestra Nada, de matizes rubidourados expoencialmente decorados de brilhos e cintilações de intensa vibração divina.

Sob a nossa condução diretora, estabelecemos, em conjunto com toda a égide de tutoria sobre este departamento de administração das ações educativas dos seres humanos, considerado por vós como Conselho do Carma, a agenda espiritual relativa aos passos que devam ser dados para a conclusão do "karma coletivo planetário", quando agora de seu parto necessário para o nascimento do mais novo filho de Gaia:- o "Espírito Coletivo da Nova Raça", que desponta como os primeiros germens da luz do futuro dourado do globo terráqueo.

Sob o amparo divino, com as luzes mais esplêndidas que todos possam conceber, após as apreciações de todos os mestres dirigentes dos carmas individuais dos seres humanos, votando sábia e solidariamente pelas novas oportunidades que serão concedidas à grande maioria dos seres humanos, nestes tempos finais de suas resoluções próprias de seus destinos espirituais, avaliamos as possibilidades de exclusão de determinados pormenores evolutivos que diziam respeito a leis administrativas de algumas nações do mundo, gerando possibilidades de confrontos novos em bases de violência.

Apelando ao Supremo Criador, clamamos pela Sua Augusta Misericórdia quanto ao seu concurso paralisador do advento de novos estratagemas sombrios, por parte dos inimigos da luz, porquanto a Terra já geme por demais...

As nossas preocupações fundamentais prenderam-se ao oportuno e previsto dilúvio mundial, de conseqüências aparentemente funestas, porém decisivas no cômputo geral das urgências evolutivas planetárias.

Regentes de Sírius e de Órion argumentaram sobre provisões especiais de recursos extrafísicos, de forma mais acelerada, aos portentosos seres que lideram movimentos espirituais no planeta, numa astuciosa empreitada de todos estes arautos intergalácticos, contribuindo com suas estratégias de refazimento energético às criaturas que dispõem de condições de implantação humana de novas bases legais de espiritualização mundial, em todos os setores da sociedade terrena.

Designou-se à Mestra Pórtia, à Mestra Palas Athena e ao Mestre El Morya, a atribuição de gerenciarem mais detidamente os passos de todos os líderes políticos da nação brasileira, em especial, enquanto Ramatis, Akhenaton e os Pais Ancestrais de Aruanda acionam novas medidas de abolição de programações sombrias da ordem draconiana, no plano astral inferior do planeta, suprimindo suas acirradas demandas de intentos funestos para as lideranças espirituais da Nova Era neste regime cruel que tem existido de perseguição ferrenha aos nascimentos de seres intergalácticos na Terra.

A Hércules e aos Cavaleiros da Távola Redonda competiu por decisão unânime que, doravante, viabilizem uma excursão em caráter também emergencial às balizas de ancoramento de facções mafiosas nos redutos nacionais de alguns países do Oriente Médio.

Aos amados Gandhi, Madre Tereza de Calcutá e a corte de Ganesha, decidimos, em conjunto, que partam em direção à Índia, Grécia e Egito, para que adestrem com mais velocidade alguns medianeiros de nossa irmandade venusiana, que esquecem-se de suas funções primordiais de despertamento de seus povos quanto às novas premissas da Terra, neste momento de início do reavivamento do espírito planetário terráqueo, para o seu próximo renascimento.

Mestre Afra, Mestra Nada e Jesus Cristo consolidam pilastras fortes de ancoramento de energias sagradas na América do Sul, nos países que ficarão incólumes à grande torrente da mudança topográfica, como também no continente africano, adubando os poucos terrenos mentais que possam colaborar mais intensivamente com o despertamento espiritual das criaturas nascidas neste império de necessitados do alimento espiritual de maior quilate.

Sob o astral da Arábia Saudita deixamos novos programadores de mudanças genéticas, alicerçados no templo de Mestra Nada, a fim de que alguns de seus raros iniciadores do desenvolvimento das mônadas de DNA alterado façam surgir, decisivamente, a condição propícia à divulgação de princípios mais avançados de universalismo e ecumenismo, através de almas que para ali se dirigiram com a destinação de evolução rápida de alguns líderes espirituais da região.

Como os Estados Unidos padecem de um mal desagregador, de grande extensão, competiu a Ashtar Sheran e sua frota de naves saneadoras uma invasão definitiva aos seus porões astrais próprios, de ação maléfica excentricamente avançada, que interferem em acontecimentos de ordem telúrica, de forma antecipada e desconectada das programações de eventos naturais sísmicos, não somente em seu próprio continente, como detonando de formas imprevisíveis, outros abalos em qualquer região planetária.

Na América Central e na Austrália, uma comitiva de seres ancestrais da Terra, essencialmente da vertente de pajés e xamãs, carreiam para algumas comunidades dessas terras, seres especiais que ali nascerão, como porta vozes da evolução, com um contingente significativo de resoluções e diretrizes, que devem fertilizar os corações destes povos para as mudanças planetárias próximas e para os alvissareiros objetivos de novo milênio.

Rússia, China, Japão e demais países asiáticos serão conclamados, doravante, a uma inserção solidária aos núcleos espiritualistas de comando superior da Terra, embasados em prepostos universalistas, pelos mentores especiais de seus orbes de origem, quais sejam os planetas mais novos da constelação desconhecida de Astúrias, de onde vieram há milhares de anos, trazendo propostas à Terra de resgate de suas culpas planetárias quanto à extinção de seus planetas, pela desvairada cobiça pelo poder materialista e tecnológico.

Coube à Falange das Santas Almas do Cruzeiro Divino buscarem almas na Noruega, Suécia, Holanda, Espanha e Inglaterra para adentrarem o Planalto Central do Brasil, o mais rapidamente possível, dadas as missões especiais suas próprias e de seus filhos missionários, distraídos de suas pertinências missionárias para a consolidação da Nova Era Planetária.

Cogitamos de que é preciso convocarmos muitos novos representantes nossos às nações menos desenvolvidas da América do Sul e da América Central, África e Ásia, para semearem o terreno mental de seus habitantes para todas as circunstâncias naturais que se aproximam de suas populações e que se resguardem na certeza de que as maiores edificações dos seres humanos são as que as conduzem aos reinos da libertação e da ascensão espiritual.

Portugal, Ilha da Madeira, Ilhas Canárias e Canadá estão sob os auspícios de Apolônio de Thiana, e de uma equipe de excelsos seres de Andrômeda, além de Mestre Vitória, consecutando um planejamento de ancoragem de pilastras telúricas, através de vários seres de nossa pátria venusiana, que ali se estabeleceram nesta mais recente encarnação com este fito estratégico.

Estudamos variados detalhes de investigação mais aprofundada sobre a paralisação espiritual de nações européias, quando se conciliaram, para cuidados especiais com a conscientização espiritual mais ferrenha, o mestre lionês Allan Kardec, entre outros hierarcas do passado destas nações, hoje seres revestidos de intensa luz própria, como comandantes espirituais dos ciclos destes pólos mercantis e pouco transcendentalizados.

Em Shamballa serão discutidas, em mais freqüentes ocasiões, os novos rumos de cidades eleitas para o preparo dos seres cristal, para se perpetuarem como mestres de sabedoria, neste novo milênio de experiências evolutivas terrestres. Milhares de seres venusianos que irradiarão para o planeta todas as "boas novas" sobre a nova raça humana já migram para nossa estância de luz a fim de anteciparem providências para a recuperação dos coeficientes mentais de seres especiais, após explosões e inundações planetárias.

Muitos pontos sobre os papéis individuais de algumas almas encarnadas na Terra, para o cumprimento de suas missões especiais , foram discutidos quanto à observância de que o advento do conhecimento de uma ciência desconhecida pelos seres humanos, que diz respeito à intervenção dos batalhões de Esséias, nos planos materiais da Terra, deve ser mais rapidamente veiculado, com a finalidade de se inaugurar um tempo de não discriminação às teorias de ajuda planetária por grupos de almas ligadas às forças telúricas e cósmicas, função esta designada a Mestre Pena Branca, Ramatis e toda a população de argutos magistas cósmicos da galáxia transdimensional de Aruanda.

A missão genuína de Maria de Nazaré, com sua corte de seres angélicos, remanescida como chama gêmea de Kuan Yin, abrange a Terra toda, na amplidão de suas características do doce amor e criatividade resoluta, na expansão de sua sublime sabedoria , mansidão e aptidão para a reciclagem de valores espirituais na humanidade. Restaurará esta divina criatura uma equivocada conceituação a respeito de sua vinda à Terra como mãe carnal de Cristo, trazendo informações relevantes para elucidação definitiva de temas controversos de religiosidade e discriminações que geram animosidade e vibrações de antagonismo energético, prejudiciais às propostas de unificação do novo milênio.

A equipe kardequiana, liderada por ele próprio e outros nobres arautos, como Emmanuel e Pietro Ubaldi entre outros, expandindo-se para as novas admissões da doutrina Espírita quanto à universalidade dos prepostos da Grande Fraternidade Branca Universal, arregimenta seus adeptos, junto à Santa Clara, hoje conhecida como Joanna de Ângelis, como também junto a Bezerra de Menezes, que é, na verdade, nosso antigo sacerdote lemuriano Kayst, ou mesmo Gaspar, um dos reis magos que visitaram Sananda, quando vestia seu corpo espiritual do personagem divino ministerial terrestre, Jesus Cristo.

Mestre Ramatis, expandindo a mentalidade espiritista para novos ângulos de adentramento das verdades universais, como Diretor Espiritual da Metrópole do Grande Coração, recepcionará, mais amiúde, as caravanas de seres intergalácticos e das federações e confederações interplanetárias, com o fito de ampliar a visão cosmogônica que tem sobre o planeta Terra nas comunidades espiritualistas abertas e solidárias ao seu Projeto Universalista de Expansão da Consciência Humana.

Anjo Leishiel, tendo sido Baltazar, outro rei mago que visitara o mestre da Galiléia, Jesus Cristo, adentra o âmbito de ação espiritual no Brasil, renteando com Akhenaton, também grande e especial criatura divina que estabeleceu o Monoteísmo no Egito, ao lado de sua rainha Nefertiti, a quem hoje ele inspira, na consecução de sua missão espiritual, como uma das pilastras de ancoramento da Unificação Espiritual na Terra, encarnada na América do Sul, em território brasileiro.

Dentre outras questões abordadas no Conselho Cármico desta noite memorável, estipulamos a meta primordial de obedecermos à sutil cobertura frequencial da Ordem Supraordinária de Melquisedek, cujos raios de amplitude magnífica atingem a egrégora de reestruturação espiritual da nova Terra.

Com Arcanjo Miguel na retaguarda do movimento renovador das conquistas humanas morais e intelectuais próximas, em meio às turbulências e tormentas da transição planetária terráquea, hoje necessariamente acelera providências de sua competência, para que o caminho de volta ao lar e à pátria espiritual, dos seres libertos de experiências retificadoras, possa estar amplamente revestido de luzes protetoras eficazes.

Também lidera, junto aos celeiros de energias cósmicas das fontes inesgotáveis do Cálice do Santo Graal Crístico, sobre o vosso planeta, os mecanismos sábios de tornar coesas as ideoplasmações advindas da "linguagem mântrica", soprada ao vosso mundo por Saint Germain, como decretos diluidores de energias densas.


Para que se evitem as absurdidades imprevistas, forjadas pelas perseguições implacáveis dos vilões dos submundos astrais da Terra, aos seres preparadores do terreno fértil das urgentes novas concepções éticas universais e dos argumentos substanciais da nova ciência divina, em sua integralidade, firmaram alianças de poder magnético mais potencializado a veneranda Astréa e a Deusa Rakish, de chefias siderais da energia ígnea de transmutação fluídica, em vossa galáxia, junto a Saint Germain, regente da Chama Violeta Universal.
Reafirmamos, neste nosso encontro universal e multidimensional, a preocupação com as almas humanas que, ainda precoces em suas atuais encarnações, exasperam-se na fuga de seus tormentos pessoais, em grande parte oriundos de suas conexões com as conturbadas legiões de forças malignas do interior da Terra, pactuando com elas através do extremado e incontrolável, por vós, poder mafioso de especulação capitalista, através dos vícios a eles impetrados.

Invocamos ao Pai, em uníssono, na oração pungente de nossos seres paternais, um aporte de irradiações superiores de Arcanjo Uriel e do Príncipe Metraton, para a ajuda mais substancial a estes milhares de almas desavisadas, que caminham, sem o saberem, para o exílio planetário, se não forem socorridos, despertados e recuperados de suas insanidades, urgentemente.

Agregam-se a este intento, em particular, em busca de despertarem os jovens da Terra, em todas as nações, o espírito de André Luiz, ou Osvaldo Cruz, em uma de suas vidas na Terra, ao lado de seu filho cósmico, que vestiu a personagem de Luís Sérgio, em sua última existência carnal, hoje levando, aos jovens do Brasil, suas palavras de orientação sábia, através de instrumentos humanos mediúnicos.

Tendo sido grande sacerdote da Babilônia, que tinha o mister supremo de converter almas aos ofícios da religião vigente naqueles tempos, Luís Sérgio retoma a sua vestimenta anterior de pescador de almas e consolida a ação mais incisiva de sua "Caravana de Iluminação de Consciências", salvando jovens de suicídios e de maiores complicações nas engrenagens cruéis que envolvem certas almas puras com grupos de tráfico de vossas sociedades. Presente nesta nosso encontro cósmico, este belo ser pede-nos que ditemos a vós que lhe peçam ajuda nos casos de vossos filhos, parentes ou amigos que sofrem a agonia da dependência química.

Na dimensão do universalismo de idéias e posturas espiritualistas que se aproxima do entendimento dos seres humanos, a palavra que pronunciamos através desta canalizadora é aquela que já integra os novos parâmetros do terceiro miênio, quanto à aglutinação de muitas correntes religiosas, espiritualistas, gnósticas e esotéricas, no grande concerto espiritual da Sinfonia Única Divina: a da compreensão de todas as partes deste mosaico de verdades espirituais, que tem conduzido a Terra até os dias de hoje, a fim de dar luz às almas em experiências humanas, como faróis solidários que dão firmeza e certeza aos passos dos homens rumo às suas ascensões.

Já exemplificando este enfoque unificador, e justamente por esta razão, a reunião do Conselho do Carma realizou-se sob o teto universalista de Mestre Ramatis, no plano espiritual da nação responsável pela condução espiritual da Terra no terceiro milênio, e com a conexão transmentativa com esta canalizadora brasileira, para que a discriminação quanto à segmentação fictícia que muitos de vós que pretendem subjugar as nossas antigas almas, que já contemplam a integração cósmica desde todo o sempre, deixem de alijar, como propostas de doutrinas submissas ou inferiores, ou ainda, de menos luz, tantos trabalhos e códigos religiosos sérios ,compatíveis com as tarefas de cada especialidade espiritual de administração de idéias dos campos noúricos ao plano terrestre.

Não carecemos mais de destituir as novas mensagens, dos nossos planos de ascendência dirigente sobre o vosso planeta, de outros enfoques que fazem a mente humana caminhar para a integração de todas as forças cósmicas e esforços transdisciplinares.

Nossa linguagem se dirige para uma modalidade de expressão espiritual uniforme e inédita: a "Linguagem Universal da Não Divisão !!"

Não disputamos força e poder com os "iluminattis"...São eles sim os que reforçam disputas entre os seres de luz, nas vossas mentes, na idealização que fazeis quanto ao que é MAIS ! Para vós ordenanças superiores são aquelas que se coadunam com vosso modo de pensar...

Para nós, as hierarquias existem, mas o trabalho desenvolvido por cada patamar e especialidade de atuação espiritual na Terra, tem o mesmo grau de importância, pois se não houvesse departamentos de ação, não haveria coerência e eficácia na vida, tanto na humana quanto na espiritual.

Quanto ao Carma Coletivo da Terra, neste momento da grande tempestade renovadora, há que sermos coesos em nossas pautas de discussões e providências, a fim de que possamos gerar estratégias de ações eficazes, que viabilizem instrumentos, diretrizes e soluções de importância para a evolução de todos os seres.

Discutimos longamente sobre a inconseqüência de milhares de filhos da Terra por não vislumbrarem ainda o que seja alma, evolução, encarnações, amor, solidariedade, ascensão, enquanto pisam o terreno seguro de suas pátrias, embora tenham patrocínio de suas boas ações que os promovem, mas sem as condições de recuperação imediata, o que os torna vulneráveis a serem cooptados pelas demandas dos submundos astrais, quando de seus desencarnes, o que não convém mais neste momento de evasão dos cenários inferiores de vosso orbe.

Seus adversários invisíveis farejam-nos, em busca de concílios funestos, e vigiam as auras de mais seres desatentos sobre as conseqüências de seus atos, comportamentos e decisões baseados no desamor, na imprudência e no egoísmo materialista, condições essas que desarticulam quaisquer esforços que estamos ou venhamos a concentrar em prol do salvamento de almas recalcitrantes, com chances de recuperação espiritual, nesta grande colheita do trigo são, no campo plantado por Deus, de sementes de consciência, nesta vossa Terra em trâmite ascensional.

Urge que os nossos amados seres da Terra registrem em seus canais de comunicação, com seus queridos, toda uma explanação que possa ser proveitosa, com relação aos possíveis danos que advenham de suas irresponsabilidades pessoais, profissionais, sociais, comunitárias, espirituais e cósmicas, para o êxito de sua retirada aos planos espirituais, quando agora de tantos acontecimentos planetários que os possam colher de um momento para outro.

O Templo de Ezequiel e Ametista, para onde poderão se convergir todos os vossos pensamentos, orações e invocações, a partir deste momento planetário, está reformulado com recursos mais potentes, pela ativação dos anéis de fogo violeta, em torno de suas instalações espirituais, e se habilita mais prestimosamente a colaborar com todos esses terráqueos que estejam enfrentando ataques e obsessões de ordem inferior.

Ao lado de Saint Germain, atento aos movimentos de energia planetária condensadas em alguns pontos onde crianças são levadas, como duplos clonados, de Cyclopea e Virginia, que com seu olho onividente pressagiam instantes de incertezas para algumas almas antigas, pelo descompromisso com as almas de seres especiais que lhes foram entregues para serem avisados das novas orientações cósmicas sobre a vida terrena nos próximos milênios, de Mestra Nada e Mestra Rowena, Meimei, Irmã Sheylla, Catarina das Santas Almas do Cruzeiro Divino e de Paulo Veneziano, adentramos este reino de atenções necessárias, no nosso especial conclave junto aos Senhores do Carma.

Foram os prepostos mais instigantes de nossa atribuição como governantes até então ocultos, para muitos espiritualistas, nesta reunião extemporânea para nós outros, as quais nem sempre comparecemos, por tratar sobre o carma individual dos seres em oportunidade restauradora, neste vosso orbe redivivo, aqueles que se referem aos laboratórios umbralinos que promovem os desencarnes em massa das crianças que estamos enviando à Terra.

Na luz das suas aspirações mais enobrecedoras, estes seres que se candidatam ao reencarne, neste momento alarmante, da Terra, nem sempre, por motivos de inolvidáveis projetos do Anticristo, são poupadas por nós das suas investidas usurpadoras da liberdade do ser, dadas as circunstâncias delicadas da energia sutilíssima que esses seres especiais albergam em sua contextura fluídica espiritual, não resistindo à pressão extrema da animosidade destes seres e à densidade planetária atual, insuportavelmente apavoradora para as almas habituadas às sensações de amor, paz, harmonia e delicadeza dos planos espirituais superiores.

Distorções de entendimento sobre o nosso arsenal espiritual e extraplanetário de resolução de todos os embates individuais das criaturas humanas, fazem os seres terrenos acreditarem que não existam incidentes de conexão das almas superiores encarnadas com estes exércitos negros.
É imperioso que os nossos amados seres irmãos do planeta Terra vislumbrem, com maior nitidez, a abrangência do que é a realidade espiritual em vosso mundo.

Extrema importância deve ser dada às particularidades dos casos de cada qual das criaturas que encarnam, neste vosso planeta, que atravessam um portal dimensional que os deixa mais vulneráveis às intempéries da baixa vibração da psicosfera terrestre, quando em carne humana, embora todas a assistência e todo o esquema divino de luz, de justiça e de misericórdia, além da proteção dos esquadrões extraplanetários e dos raios de todos os anjos.

Nossa especial reunião deste Conselho do Carma, em hora grave da humanidade, muito discorreu acerca das situações de simbioses fluídicas, cuja dissolução de suas ligações com os aparelhos construídos pela engenhosidade maquiavélica dos seres draconianos, capelinos e morguianos renitentes, acarreta, para todos os membros e todas as cortes de seres capacitados em funções de salvamento planetário, a contrapartida de construção de novos mecanismos de ajuda ao planeta, que extrapolam as medidas possíveis ao momento planetário, por parte de equipes socorristas, pelo descompasso com as intenções dos próprios seres humanos que facilitam a avalanche de acontecimentos lamentáveis, quais sejam as torturas, estupros, homicídios e as próprias exclusões do direito à alimentação, pela má organização e distribuição do orçamento planetário às nações desprovidas de recursos.

A nossa proposta, como integrante do Conselho Cármico nesta oportunidade cíclica, e a decisão final da reunião deste mesmo agrupamento celeste, de 30 de junho do ano de 2010, na Terra, coincide, de forma sincronizada, com os argumentos de todas as confrarias e federações que participaram deste grandioso momento.

Houve esta decisão conjunta de que a nossa palavra aos seres da Terra, desta forma desvinculada de padrões segmentados de idéias, fosse mesclada deste sabor realístico, algo diferenciado de nossos discursos de elevação espiritual para a conquista de valores internos e harmonia vibratória pessoal, com a singeleza da esperança e da alegria que o nosso ser sempre se pronuncia, para que soasse aos habitantes da Terra, por parte daquele que o resgatou de sua extinção, em eras passadas, o alarde sonoro de que muito ainda precisa ser feito e realizado a partir de vós mesmos, para que as nossas providências de escol, que foram delineadas neste pujante sacramento de acordos sobre a transmutação do carma coletivo da Terra, nesta data solene, tenham êxito pela reciprocidade com vossos empenhos pessoais.

Decidimos, então, que a maior providência que poderíamos tomar com relação ao carma pessoal e ao carma coletivo, neste momento singular das eras do planeta, seria declinar aos seres humanos, nesta comunicação emergencial, um roteiro de medidas imprescindíveis, a começar pela vossa disposição interna de não fazer juízos de valor sobre a nossa mensagem de caráter urgente.

Optamos por estabelecer um "código de disciplina mental" aos seres humanos, o que os diferenciará em ausculta de diapasão vibratório pelos nossos vigias siderais, que adentram o dia a dia de cada ser humano encarnado.

Isto pode fazer retroagir um movimento de enormes proporções na vida dos habitantes deste globo ainda não completamente ancorado na fé e na capacidade de estagiar a mente somente no padrão estável da sabedoria e do amor universal.


CÓDIGO DE VIBRAÇÃO PARA O CIRCUITO FREQUENCIAL DE REFRAÇÃO AO COMANDO DOS ILUMINATTI

O exército das sombras perde o seu referencial de aprisionamento das mentes humanas, quando estas aquiescem a um mandamento simples, ensinado pelo Cristo, mas que rompe de forma definitiva com cordões de conexão umbralina:

ABOLIR definitivamente de vossas vidas a vibração do JULGAMENTO, pois que esta freqüência facilita e promove a inserção de TOMADAS ELETRÔNICAS em vossos duplos, dada a ANIMOSIDADE que gera, a partir desta emanação de contrariedade quanto a pessoas, religiões, atos, comportamentos, conceitos, posturas, decisões e obras de pessoas ou instituições, UM FORTALECIMENTO DE APARELHOS DO SUBMUNDO ASTRAL, tática mais recente de vampirização energética por parte dos seres sombrios.

Os seres humanos devem se fortalecer no aporte de uma MENTALIZAÇÃO CONSTANTE E CONJUNTA de um círculo azul índigo e violeta ao redor do planeta Terra, quando estaremos restaurando brechas coletivas nas malhas que conectam grupos de seres humanos na mesma teia de ascensão.

Esta é uma NOVA CORRENTE DE INTEGRAÇÃO entre os seres humanos, elaborada na reunião do Conselho do Carma do dia 30/06/2010, e que registramos aqui para que possais vos sentir agrupados numa corrente de frequência planetária de Comunhão Vibratória. Esta corrente frequencial administrada já por Astrea, passa a ser coordenada e regida na conexão membro a membro planetário, pelos mananciais próprios de Mestra Pórtia.

Os seres humanos devem mentalizar-se de mãos unidas, ou de mãos dadas, em forma de ALIANÇA OU CÍRCULO PLANETÁRIO, como se estivessem em ciranda ao redor da Terra, e mentalizarem esta cor AZUL INDIGO E VIOLETA, sempre no mesmo horário, estipulado como sendo às 21 horas do Brasil.

Visualizar UMA FOGUEIRA IMENSA NO INTERIOR DA TERRA, transmutando as ligações de escravidão espiritual e mental aos submundos negros. Isso em qualquer horário, mas sempre de forma conjunta às 21 horas, juntamente com a visualização do círculo planetário. Esta mentalização poder ser feita onde quer que se encontrem, pois o pensamento não é subjugado por qualquer circunstância de ordem material.

Estabelecer doravante uma conexão intensa com Anjo Ezequiel e Ametista, colocando um CRISTAL AMETISTA de ponta, na altura do chakra coronário nas vossas acomodações, ou onde adormecem, acima de suas cabeças, ou mesmo abaixo de vossas acomodações, com a ponta em pé.

Todas as pontas destes cristais violeta serão ativados por uma NOVA ONDA FREQUENCIAL que instauramos em nosso conclave, com a aquiescência de Saint Germain, tendo sido construído, nesta nossa reunião especial, um instrumento gigantesco, na forma de um cristal de ametista em meio ao círculo índigo de Astrea, sendo colocado, no dia de hoje, posterior á nossa modelação ideoplástica, este dispositivo especial, no interior do Templo de Ezequiel e Ametista, para onde poderão se convergir todos os vossos pensamentos, orações e meditações, caso estejam enfrentado ataques energéticos de ordem inferior.


No afã de que todos os seres da Terra nos auxiliem a expurgar de suas vidas todo o resíduo de viciações inferiores, exalados pelas mentes doentias das regiões trevosas do planeta, ainda permanecemos extasiados pela irradiante luz que emanou do peito cósmico de cada ser majestoso, ali presente, nesta promissora reunião de vultos que sustentam o vosso planeta.

Nas cintilações mais esplendorosas que meu ser possa deixar a vós, neste momento em que entramos em feliz comunhão amorosa de intentos e perspectivas para a vitória de vossas experiências carnais, no exemplo de superação de muitas de vossas antigas modalidades de desamor e antagonismo à evolução, volto à Pátria de harmonia inesgotável, para onde desejo que muitos de vós possais retornar, ou visitar, em transporte merecido, pela suprema conquista da luz espiritual que vos possa conduzir aos páramos da iluminação eterna.

Vosso Intercessor Estelar,
SANAT KUMARA


( Mensagem captada por processo de Transmentação, por Rosane Amantéa, na madrugada do dia 01/07/2010, pós reunião especial do Conselho do Carma Planetário )

Obs: A pedido de Sanat Kumara, explico à humanidade que um hipercérebro intensamente luminoso, de proporções que extrapolam ao nosso entendimento, envolveu o próprio cérebro desta mediadora, dando clareza imediata de suas idéias e explicações, quando, em sendo digitadas, de forma automática, delinearam-se, ao final, na forma desta importante mensagem de intervenção pessoal deste ser magnífico na transmutação do Carma Final deste ciclo evolutivo da Terra.

http://rosane-avozdoraiorubi.blogspot.com/
©2010 Rosane Amantéa
Esta mensagem pode ser compartilhada desde que os direitos autorais sejam respeitados citando o autor e o link.
http://rosane-avozdoraiorubi.blogspot.com
Obrigado por incluir o link do site do autor quando repassar essa mensagem.

17 de set de 2010

É HORA DE EXECUTAR SEU TRABALHO - 17/09/10


É HORA DE EXECUTAR SEU TRABALHO
Uma Mensagem de Sananda - Canalização: Sheryl Pedersen
6 de setembro de 2010

Pergunta:
O que gostaria que nós soubéssemos hoje?

Resposta:

Hoje eu vim para falar sobre os ajustes de energia que começarão a afetar muitos de vocês, que como já sabem, se darão a partir de 9 de setembro.

Para alguns de vocês, será uma época bem difícil.

Quanto a outros, vocês já estão sentindo essa mudança como um meio de ajudar a manter a energia para aqueles que os cercam.

É um ato de bravura fazer isto por seus entes amados.

Será parecido com uma gripe para muitos de vocês, com dores de cabeça, nariz escorrendo, tosse, dores, cansaço e alternância de calor e frio.

Não é uma gripe e nem um resfriado, como vocês conhecem, mas seu sistema imunológico está se reinicializando, por assim dizer.

Isto é parte dos ajustes da energia do DNA que estão ocorrendo.

Muitos podem se perguntar o que vocês fizeram para causar a ocorrência desses sintomas. O que vocês fizeram foi concordar em ajudar os outros ao seu redor nesse processo de mudança de energia.

É como se vocês fossem aqueles que concordaram em serem os primeiros a experimentar alguma coisa nova e porque vocês fizeram isto, facilitaram para todos que também passam por esta mudança.

Não há nada com que se preocupar, apesar de que vocês podem se sentir esgotados por uns poucos dias.

Esperem que isto não dure mais do que três dias e então façam o que é preciso para cuidarem de vocês mesmos, como descanso, muito líquido e até a antiga e saudável canja é o que seu corpo está pedindo.

E, um pouco mais de sal seria útil para a maioria de vocês, a menos que seu corpo não tolere bem o sal. O iodo no sal ajudará a estabilizar a mudança de energia.

E o que está realmente acontecendo?

Vocês estão fazendo outra abertura para lhes facilitar a conexão com as energias da quinta dimensão que estão começando a se combinar com seu campo de energia.

Sua intuição dará um salto para frente.

Seus dons de ver, ouvir e sentir de estarem no espírito aumentarão e sua capacidade de despertar seus dons latentes irá se incrementar.

Tudo isto para assisti-los no processo de avançar na execução do trabalho da sua alma.

Se vocês ainda não estiverem ativamente no caminho da execução do trabalho da sua alma, esperem por um empurrão nessa direção antes do ano se acabar.

Isto poderá vir na forma de uma dispensa temporária no trabalho, uma doença que os deixa questionando se deveriam permanecer nesse trabalho ou simplesmente um profundo desejo em sua alma de fazer alguma coisa diferente.

Nós estamos fazendo tudo que podemos dentro dos limites do livre arbítrio para despertá-los e pô-los na total execução do seu trabalho de luz - realizar sua missão, por assim dizer.

A maioria dos seres que são atraídos por esta mensagem está no vértice da ocorrência de uma grande mudança. Vocês todos vieram para cá com um propósito e uma missão de ajudar seu semelhante a atravessar esta época de mudança que está acontecendo na sua Terra. Vocês são os precursores, os portadores da luz e os mantenedores da luz.

Seus trabalhos incluem ensinar, curar e compartilhar mensagens com os outros para ajudá-los a se ajustarem à nova Terra.

Muitos de seus amigos, familiares ou pessoas que vocês tocam através do seu trabalho precisarão de ajuda e são vocês quem trarão essa ajuda para elas.

Utilizar este tempo em que se sente indisposto pode lhes dar a sintonização com seu coração e sua alma e levar à descoberta do que vocês precisam passar a fazer para ajudar a humanidade nesta época maravilhosa.

Todos vocês têm um trabalho a fazer - uma missão.
Está na hora de lembrar.

Muita ajuda está disponível para vocês nesta época.
Só o que precisam fazer é pedir pela ajuda.

Nós não podemos interferir e nós não somos capazes de orientá-los claramente sem a sua permissão expressa para o fazermos.

Peçam por ajuda, acalmem suas mentes e ouçam as mensagens.

Vocês serão guiados para as pessoas, locais e coisas que vocês precisam para dar continuidade ao trabalho de suas almas.

Saibam que vocês não estão sozinhos.

Muita ajuda está disponível tanto em forma de seres espirituais como de seres físicos.

Vocês são os mestres e os curadores do planeta e é hora de executar o trabalho que vocês escolheram. O mundo e seus habitantes dependem de vocês.

Eu os abençoo, meus filhos.
Sananda
________________________________________
Fonte: http://spiritspeaksblog.wordpress.com/

Tradução: SINTESE
http://blogsintese.blogspot.com/

Gostou! Indique para seus amigos.

TRABALHAR COM A COLUNA DE ENERGIA DO CORPO DE LUZ - 17/09/10



RABALHAR COM A COLUNA DE ENERGIA DO CORPO DE LUZ
Uma mensagem da Deusa da Criação canalizada por Shelly Dressel –
15 Agosto de 2010

Este mês há uma grande discussão acerca de portais, portais das estrelas e vórtices. Os últimos meses abriram um grande fluxo de energia cristalina ou do corpo de luz para a terra. Há cada vez mais lugares onde as pessoas podem aceder a este fluxo e, não importa que nomes lhes deis, eles estão lá para vós. A Deusa falou por um bocado de tempo acerca de como a manifestação e a transição se estão a tornar mais fáceis nas vossas vidas. Com a abertura destes portais, para lhes dar um nome, tereis mais facilidade em mudar, em vos moverdes e transitardes.
Durante esta canalização, a Deusa começa logo de início por falar sobre as energias de “Nama Sika, Venia Benya”. Podeis sentir o forte fluxo de energia conforme vos ligais dentro de vós e vos ligais, de seguida, com os outros à vossa volta. Ela fala de quão fluida é a energia cristalina. Ela move-se suave e facilmente através de tudo o que trabalhais. Ela muda e alinha-se de um modo distinto do das energias de outro tipo. Portanto, se vós vos sintonizardes com um vórtice, um portal, um portal das estrelas – o que quiserdes chamar-lhe – podeis encontrar-vos a mudar para um espaço inteiramente novo ou nível de consciência. Muitos têm-no feito num estado de sono, agora é mais fácil utilizá-lo durante uma intenção consciente.
O uso prático do trabalho da Deusa foi mais um passo na direcção da coluna de luz e olhardes para a vossa vida. Ela fala de como nós podemos trabalhar com a coluna de luz olhando para ela do lado de fora. Para além disso, podeis mudar-vos dentro e fora consoante precisais, pois estais no vosso lugar da Criação. A coluna alcança-nos de um modo linear porque assim o estamos habituados e é mais fácil de compreender. Na verdade, ela é não linear o que torna bastante simples mudar-se através das dimensões e do espaço com facilidade. Podeis trabalhar a vossa vida tal como ela está neste momento, olhardes para o vosso passado e mudar a energia e, de seguida, criardes o que quereis com uma consciência superior.
Shelly
________________________________________
Nama Sika; Venia Benya Eu sou o Único, Eu Sou o Todo

Eu vos saúdo, amada família! Eu saúdo cada um de vós com as palavras desta frase “Nama Sika – Eu Sou o Único”. Convido cada um a sentir o alinhamento dentro de vós conforme escutais estas palavras, enquanto as inspirais. Inspirai, Eu Sou O Único.
Venia Benya – Eu Sou O Todo. Conforme olhais em volta desse espaço de conexão dentro de vós, podeis descobrir um alinhamento mais profundo a ocorrer dentro de vós. Este alinhamento tem a ver com as outras pessoas aqui presentes neste grupo. Mas também sentireis uma maior sintonia com os animais, com as árvores, com a terra, com as estrelas, pois cada um pode ser uma pequena partícula de energia comparado com o universo inteiro ou omniverso, mas isso toma cada um de vós, como essas partículas tomam cada pessoa para criar o todo.
Abri-vos apenas por este momento, senti quem sois e permiti que o alinhamento com todas as pessoas e com tudo esteja aqui e seja parte de vós, como a vossa realidade. Somente por pronunciardes estas frases e convidando-vos a sentirdes esta energia deslocar-se através de vós, podeis na realidade sentir a diferença que ocorre no interior? Vós sois, cada um, uma dádiva especial, simplesmente por serdes quem sois.
Com isto, Eu vos convido a respirarem mais profundamente e conforme inspirais para dentro deixai que essa inspiração se mova através de vós, ancorando-vos, onde quer que estejais situados. De seguida, enquanto expirais, senti-vos a deixar que a vossa consciência se mova para o espaço da grelha magnética.
Este trabalho na rede sofreu uma transformação imensa com início em meados dos anos 90, como preparação para o ano 2000. Desde essa época, mudou exponencialmente. A razão é que, quanto mais gente procura criar este alinhamento com a grade, mais ela se expande. Deste modo, também o imenso fluxo de energias do universo está a surtir efeito sobre ela. Então olhai à volta, reconhecei como este é o vosso espaço e, contudo, como estais em sintonia com tudo o mais dentro e à volta deste trabalho da grelha.
Senti-vos mudar. Conforme vos moveis para fora, ligais-vos com a rede cristalina. Enquanto o fazeis, deixais ir o pólo magnético da terra. Senti como as vossas energias se expandem em todas as direcções, senti o que é estardes nesta pura energia cristalina. Ela apoia-vos, estimula-vos; ela cria-vos oportunidades simplesmente por vos alinhardes com ela.
(Respiração profunda) Eu convido-vos a sentir-vos então mover-vos para o plano da terra. É outra mudança de consciência; é outra dimensão, se quereis usar esta palavra. É um espaço para vós. Conforme chegais ao plano da terra, alcançai de modo consciente a vossa presença Eu Sou. Sois vós na vossa plenitude, sois vós como a vossa divindade. Enquanto permitis que a vossa consciência se expanda, senti como vos estais a fundir totalmente.
Tendes a sensação de terdes chegado a casa? Tendes a sensação de amor e de consciência? Abri-vos para sentir a aceitação por vós, pelo humano que sois! À medida que continuais a manifestar mais da vossa consciência dentro deste espaço, abri-vos para sentir a minha essência, enquanto Eu atinjo o plano da terra. Alcanço cada um de vós, Eu sei quem sois enquanto indivíduos nesta vida, Eu sei quem sois na vossa essência divina. Conforme as minhas energias se misturam com as vossas, senti como nos mudamos para Tudo O Que É.
Ao chegardes a este espaço, olhai à volta e vede quem e o que está aqui. Conforme continuais a mudar, sentis cada vez mais da vossa essência mover-se para dentro, abrir-se para receber a comunicação do que está aqui para vós. Olhai à volta, muitos vêem esta área como um espaço de trabalho. Quando olhais ao vosso redor, o que vem à vossa consciência? Ouço respostas tão diversificadas; alguns encontram os problemas que têm andado a trabalhar, outros sentem-se como que oprimidos, outros procuram a mudança. Tudo O Que É é tudo isso, mas mais ainda.
Na última teleconferência, quando estivemos aqui todos juntos, houve uma coluna de luz que fez todo o caminho do universo através deste espaço para a própria terra. E essa coluna de luz foi representada como as energias do corpo de luz. O Omniverso é tudo o que tem a ver com a vossa galáxia, com o vosso universo mais outros universos e galáxias que se encontram fora nas várias dimensões de consciência. Com os vários portais e vórtices de luz que se estão a abrir neste preciso momento na terra, há um influxo superior desta maravilhosa energia transparente.
Como assimilais o que sois, conforme permitis que a vossa consciência se alinhe com esta coluna de luz, podeis sentir como ela mudou nas últimas semanas. (Respiração profunda) Uma das coisas que Eu acredito que vós estais todos muito conscientes é de quão fluida a energia cristalina é. É como se fosse flexível, como se houvesse um fluxo constante, como se houvesse cada vez mais potencial ou oportunidade a mover-se dentro deste espaço.
Enquanto considerais os vossos dias na terra tendes buscado formas de vos manifestardes de maneiras mais eficazes. O que aconteceria se mudásseis o vosso foco na direcção desta coluna de luz, ou de uma semelhante, que vos transportasse para outra realidade? Pode ser que vos leve para um espaço fora do universo. Pode ser que vos leve para outro lugar dentro do vosso próprio mundo.
Como outras pessoas falaram acerca do Portal da Estrela ou Portal do Leão, que foi aqui aberto durante o mês de Agosto, elas falaram deste tipo de energia que se abriu para a Terra. Se olhardes para o vosso mundo isto ocorreu em múltiplos lugares. Se olhardes e recuardes para a história da consciência da humanidade no planeta terrestre, vereis que sempre existiram lugares onde a energia do universo foi capaz de transcender para a Terra.
Há os que continuam a saber o que estes alinhamentos são e o que significam. Podeis sentir que esses espaços se tornam mais alargados. Existem outros portais ou mudanças de energia na consciência que surgiram por causa dos lugares em que as pessoas vivem. Podeis ter ouvido antes como o carma é libertado. Podeis ter ouvido que o Calendário Maia chegou a um final e que, portanto, tudo o que é criado é novo e diferente. A verdade desta questão, da minha perspectiva, é que vós sentis que outras existências semelhantes estão a ter ou tiveram uma influência sobre vós, então assim é.
Como olhais as potenciais experiências que estão a ocorrer dentro e ao redor da Terra algumas delas foram preditas, mas o que é único e diferente é que muito da estrutura-base da Terra foi transformado. Passaram centenas de milhares de anos desde que essas energias que estão próximas da Terra transitaram. A consciência está a mudar através de uma intenção directa em vez de maneira inconsciente. Todas estas coisas estão em jogo e afectam a própria Terra, mas não apenas ela, também a vós. Tal como nós falámos, Eu Sou O Único, Eu Sou O Todo, no próprio começo, então também vós podeis observar ou discernir como isso vos influenciou neste espaço.
Olhai para a vossa vida; acreditais ou sentis que essas experiências do vosso passado estão a ter um impacto nas vossas vidas diárias? Com a vossa escolha, Eu sugeriria que recuásseis e olhásseis o vosso caminho. Olhai e talvez vejais um padrão na vossa vida actual, olhai e vede as influências que estão a ter efeito sobre vós. Olhai para trás e vede se talvez isto vá para além da vida presente. Para alguns de vós, é como se ao recuardes vísseis os ramos que se deslocam para fora, como se o que vos está a afectar estivesse num alinhamento ancestral. Por vezes, é nesta vida que sentis esses efeitos.
Se há alguma coisa que surja na vossa consciência enquanto falamos neste momento, convido-vos a inspirardes profundamente e, à medida que exalais estais a enviar a essência do amor, da compaixão, da consciência; exalai e enviai-o para a vossa percepção do vosso passado. Esta energia pode deslocar-se e libertar cada pequeno evento com que vós entrais em contacto. Algumas vezes, enquanto o fazeis eu removerei num nível superficial, de modo a permitir que ides mais abaixo. Deixai que a vossa intenção remova as experiências do passado dos seus efeitos até agora, sede muito claros e respirai de novo enviando mais uma vez essa energia para essas experiências.
Neste momento, podeis escolher dar um passo para dentro dessa coluna de luz. Enquanto o fazeis, podeis descobrir que ela é transparente, mas que dentro tem muitas, muitas funções distintas. Podeis avançar para a coluna, para dentro desta luz, conforme respirais profundamente na intenção de libertar o passado podeis ver como ele se remove de um modo muito mais claro. Podeis, ainda, ir para esse espaço e mudar-vos para esse tempo para que possais limpar dessa maneira.
Sentis que estais a viajar através desta coluna de luz e é como se olhando à volta estivésseis a ver o caleidoscópio da vossa vida. Estais habituados a funcionar com as coisas de um modo linear. Portanto, esta coluna pode surgir-vos numa percepção linear. A vida não é linear, portanto vós tendes a habilidade para vos conectardes com uma experiência e de mudar o seu efeito. (Respiração profunda) Assim que Eu o sugeri, pude ver uma quantidade de libertações tendo lugar e tudo numa espiral a ser enviado para cima através desta coluna de luz.
Deixai mudar, deixai que a vossa consciência se desloque mais uma vez para fora da coluna de luz. Fazei um balanço da vossa consciência como se estivésseis olhando para vós mesmos através dos olhos da vossa divindade. Haveis mudado por libertardes o passado? Há emoções que gostaríeis de cuidar nesta altura? (Respiração profunda) Respirai de modo profundo permitindo que essas emoções mudem.
Senti a completude conforme se move através de vós. A vida é viver o momento; se olhardes para a vossa vida tal como está neste momento é possível sentir alegria, felicidade, paz ou contentamento? Assim, quais as emoções que estais sentindo nesta altura? Podeis ter uma intenção do que gostaríeis que a vossa vida fosse. Podeis ter um foco ou uma consciência de tudo o que pode estar a ter efeito sobre vós. Mas onde está a maior parte da vossa energia? Se está presa no passado, libertai-a. Se está presa no futuro de tal modo que estais à espera para experimentar a vida até lá, e podeis preencher o vazio, então percebei que ainda não estais a viver no momento.
Moveis-vos através do corpo mental. A humanidade na terra neste tempo é encorajada a planificar o futuro, a buscar o futuro. Vamos centrar a atenção sobre o futuro e sobre as coisas fora de vós. Se tomardes este momento e respirardes profundamente, inspirando toda a vossa energia e todo o foco dentro de vós, agora mesmo, conscientemente deixai ir o resto. Descobrireis que, quanto mais permitis que estas energias façam parte de quem sois, mais centrados e equilibrados estareis num dado tempo.
Senti recuardes um passo para dentro da coluna de luz, para o aspecto em que trabalhais a vossa vida pessoal. Nesta altura, em vez de olhardes para o passado, mudai o foco e senti-vos a olhar para o vosso futuro. Dentro desta coluna de luz tudo está iluminado, tudo está limpo. Em troca, isto permite-vos ter uma compreensão mais nítida.
Aqui dentro da coluna de luz, esta energia cristalina, esta energia do corpo de luz, deixai tudo vir a vós, deixai que tudo vos preencha. Senti o contentamento, senti o conhecimento de quem sois, mesmo que isso pareça mais do que consideraríeis ou esperaríeis, abri-vos ao potencial ou possibilidade de que aceitais isto como vós.
Enquanto olhais para o futuro, senti deixardes fluir de vós a intenção do que gostais ou de como percebeis a vossa vida. Nesta coluna de luz, mudai o vosso foco e vede-vos a vós mesmos; talvez um mês a partir de agora, uma semana, um ano, dois anos, qualquer que seja a duração do tempo que gostaríeis. Senti-vos no fluxo da vossa vida e, de seguida, parai e olhai à volta. O que vedes? De um ponto de vista puramente objectivo, abri-vos para receber com clareza o que se trata. Conforme olhais para o que quer que isso seja, podeis descobri-lo por vós mesmos, isto é realmente o que queríeis? Podeis perguntar: há aqui alguma coisa que mudaria? Podeis considerar que, mesmo que seja isto, não é senão uma fracção do que a realidade se vai tornar.
Muita frequentemente, enquanto as pessoas fazem um exercício como este, essas coisas que estão na vanguarda da sua consciência são a base do que vêem, mas há sempre mais. Como isto ainda não ocorreu, existem ainda mais potenciais do que os que vedes. (Respiração profunda) Inspirai e voltai, saí dessa energia, desse espaço e, mais uma vez, ficai plenamente presentes neste momento do agora. Sois vós na vossa vida, sois vós abrindo-vos para potenciais maiores, sois vós reconhecendo a oportunidade que está aqui para vós.
Vós tendes destes vários portais ao longo da Terra, mas contudo não precisais de estar fisicamente localizados com nenhum deles. Vós colocais a vossa intenção de vos alinhardes com um desses portais e então permiti-vos simplesmente deslocar-vos e vede sempre onde podeis ir. Se ides para fora do universo, senti o que significa essa experiência para vós e deixai essa energia fluir de volta para dentro da vossa consciência. Se experimentais outro lugar na terra sabei e senti o que significa para vós, conforme a trazeis para dentro.
Neste momento, convido-vos a sentir deixar a vossa consciência mudar de tal modo que vos separais um degrau desta coluna de luz. O fluxo é imenso, a vibração apenas canta, senti-o vós mesmos. Conforme vos juntais aos vossos pensamentos, tendes a sensação de remover quaisquer pensamentos ou crenças que já não funcionam para vós. Enquanto considerais as emoções, soltai essas emoções que vos têm retido.
Conforme considerais o vosso corpo físico, senti-vos a respirar nesta vibração e deixai que se mova todo o caminho da vossa consciência para o vosso corpo físico. À medida que se move, deixai que se mova através da circulação sanguínea, para dentro de cada célula, para o vosso ADN e para cada partícula que compõe o que sois, com a sensação de removerdes os detritos, o desequilíbrio, tudo excepto o que é sentir-se bem e ter o corpo físico que melhor vos serve.
Conforme vos reunis como um grupo, convido-vos a sentirdes o holograma da Terra. Ele chega com o próprio grupo. Há um holograma duplo com o de Ariellis, a Nova Terra e a vossa Terra física são representadas dentro destes hologramas. Como continuam a girar diante de vós, infundi para dentro dos hologramas a vossa consciência do que é viver no momento e de ter tudo o que procurais imediatamente. Enquanto infundis para este holograma, vede como as energias desta coluna de luz infundem um sentido de equilíbrio e um sentido de diversidade, de vibração. Inspirai a vossa intenção e, conforme expirais, senti como estes hologramas assumem um brilho luminoso.
Os próprios hologramas mudam; na verdade, movem-se para e através dessa coluna de luz, eles deslocam-se em qualquer direcção que precisam à medida que se misturam com a terra física. Podeis sentir essa energia vindo para a Terra para onde estais localizados. Move-se para o centro alinhando-se com os cristais e a vibração. Ancora ligando-se com a essência do núcleo da Terra e, de seguida, emana. A partir daí, move-se através da própria terra, através da relva, da água, das árvores, move-se para cima para vós.
Enquanto isto acontece, senti o que é ancorar estas energias. Permiti que a vossa consciência flua de volta, fazei uma breve pausa no plano da alma, senti deixar que a vossa consciência se desloque de lá para a grelha cristalina e, mais uma vez, senti essa essência da Terra. Vós sentis esse puxão magnético de estardes sobre a Terra.
Conforme deixais que a vossa consciência desça plenamente com o vosso corpo físico, deixai-vos aterrar dentro deste espaço. Agora, como estais na vossa localização física, deixai que a vossa consciência alcance até vos alinhardes com este cilindro de luz. Se vos ajuda considerar um lugar particular na Terra, podeis fazê-lo ou podeis, ainda, deixar que a vossa consciência se expanda e vá onde quer que precise de ir.
Aqui na Terra, com a atracção gravitacional, parece diferente. Mas, tal como fostes capazes de ir para esse fluxo da coluna de luz, para cima para Tudo O Que É, do mesmo modo podeis ir para este fluxo aqui agora, agora mesmo. (Respiração profunda) Conforme respirais profundamente, deixai-vos ir onde quer que seja que gostaríeis de ir.
À medida que chegais, senti olhardes à volta usando todos os sentidos, o que é isto para vós e a vossa percepção. Assim expandi, permiti que a vossa vibração ou a vossa essência se mova, experimentai o que isto é para vós. E, uma vez mais, permiti que o vosso foco recue para dentro de vós e para onde estais. Recuai para a vossa realidade física. Senti a importância de terdes libertado o passado. Senti como foi terdes experimentado o potencial do futuro. E reconhecei que tudo vem aqui para este momento em que estais. (Respiração profunda) Respirai profundamente e fazei uma escolha consciente para permitir que a maioria, senão todo o vosso foco, esteja no momento presente.
O que me faz sentir bem neste momento? O que me traz alegria agora mesmo? O que me leva para a experiência de manifestação do meu eu pleno na terra neste momento? Deixai que algumas destas questões vos guiem através dos vossos dias.
Enquanto vos continuais a ancorar no vosso eu físico, deixai o vosso foco ou a vossa atenção voltar para esta sala. Conforme regressais a esta sala, se gostardes, premi *6 e Eu estou pronta para receber questões que possais ter.
Pergunta: Olá Deusa, podeis ouvir-me? (Sim, posso) Muito obrigada por esta tarde. Estou a construir – já coloquei esta questão de outros modos anteriormente. Estou a construir neste momento uma estrutura com cristais, metais e magnetos. É um pouco mais elaborado do que o que eu tinha feito antes. Tem um pouco um motor e criará energia e um impulso magnético na própria estrutura. Eu sei que na Atlântida eles criaram alguma coisa que gerou um portal para o Astral e abriu uma conexão com o Astral, o que provavelmente não deveriam ter feito. Coisas desceram do Astral e uma espécie de controlo das mentes dos Atlantis naquele tempo causou a queda da Atlântida. Pode ser um pouco de arrogância pensar que eu poderia criar a mesma coisa, mas a estrutura é um pouco mais elaborada do que o que costumo fazer. Devo estar preocupada por criar a mesma coisa?
Resposta: Está bem, amada, primeiro do que tudo não é uma surpresa para mim ver-vos a trabalhar com este cristal e estrutura de que falais porque vós fostes uma parte do grupo da Atlântida que fez experiências similares. Durante o tempo da Atlântida houve muitas experiências diferentes, experimentações, níveis de lasers; várias coisas que estavam a ocorrer. E a intenção era que isso criasse uma transformação na Terra que permitisse que a própria Terra fosse capaz de experimentar a sua divindade num grau muito superior, e estes lasers iriam abrir e amplificar os cristais. Adicionalmente, isso seria usado, por razões médicas, para mudar fisicamente as coisas na Terra. Isso teve muitos desdobramentos. Por isso é que Eu digo que está em sintonia com o que haveis feito anteriormente e é por isso que esse pensamento consciente surgiu na vossa consciência.
A minha sensação é de que não vai acontecer o mesmo por uma razão tremenda. A ascensão da terra para as próximas dimensões vem, desta vez, através de uma intenção consciente e através de uma base mais consistente e mais sólida. De facto, de cada vez que abris um tal pacote, como vós falais, que amplifica as energias, haverá sempre uma possibilidade de que surja mais ou menos vontade de antecipar, que a humanidade reaja de uma maneira ou de outra, assim são absolutamente potencialidades. Nós vemos uma tal mudança pelo facto de haver um alicerce muito mais sólido que ocorre neste momento, e pensamos que o que estais a fazer agora está muito mais em sintonia com o que sempre haveis pretendido. Não era simplesmente o tempo certo, não havia conhecimento suficiente disponível mas, desta vez, parece que há mais em alinhamento. Vemo-la a trabalhar com o feixe de luz, como fizemos esta tarde, como um meio de amplificar a energia que está a magnificar. É como um motor de arranque, ou uma forma de amplificar a energia em que está a trabalhar. Assim, utilize-a para ajudar, para o seu benefício.
Está bem, muito obrigada. Estou a tentar, na verdade, perceber uma maneira de a colocar em lasers, mas não tenho o conhecimento para isso.
Parece que há alguém mais que o vai fazer, alguém com quem haveis falado antes ou que se dispõe a vir à vossa consciência num futuro próximo, e esta pessoa é como se detivesse a parte da chave que vos tem faltado por tanto tempo.
Certo, muito obrigada.
Boa sorte, vós sois bem-vinda e boa sorte.
Muito bem, muito obrigada.
De nada.
Pergunta: Olá Deusa. (Olá) Provavelmente haveis ouvido este tipo de questão antes e trata-se da minha relação, da minha relação mais importante, do pai da minha criança e eu apenas recentemente comecei a abrir-me e a ver tudo o que tenho desejado e que possa ser possível. Não sei como agir com a pessoa com quem estou. Sinto-me numa espécie de prisão. (Está bem.) Eu importo-me com ele, mas
Certo. Podeis esclarecer-nos sobre as coisas porque estamos a sentir dois homens em separado? Estais com um homem que não é o pai da criança e o vosso interesse consiste em mudar as coisas com o pai da criança, ou há apenas um homem, porque estamos a sentir dois?
Bem, havia um só no meu coração, de que eu estava a tentar livrar-me. Uma relação do ano passado que abriu a minha conexão com a fonte e foi incrível, mas não pude ficar com essa pessoa e tentei energeticamente cortar os laços. Estou agora com o pai da minha criança, e é com quem eu vivo, e é esta relação que eu devo fazer prosperar e com a qual estou a ter dificuldades. Não tenho a mesma ligação da fonte e esses sentimentos incríveis com ele.
Resposta: Uhum, está bem então – certo – então, o que a vemos a fazer é o que muitos humanos fazem quando têm uma relação e olham para ela de uma forma objectiva ou de um modo analítico, vê os pontos positivos e os menos positivos naquelas duas colunas e é como baseia muito as suas decisões. Depois, olha para o outro indivíduo e de novo tem essas pequenas duas colunas e as coisas são ponderadas de maneira diferente nessas colunas. Então, como humana, fala consigo por vezes tentando convencer-se a acreditar de uma certa maneira, às vezes indo com o sentimento mais forte, e de facto não existe certo ou errado ao olharmos para isto. Vemos como um deles faz realmente o seu coração subir, traz mais potencial para si através desse sentimento de entusiasmo, desse sentimento de consciência, dessa sensação de alegria, lança-a para uma modalidade diferente ou para uma estrada diferente de oportunidades e percepções para si mesma. Depois, vemo-la com este segundo indivíduo, é o que chama de pai do seu bebé com quem está actualmente a viver e porque há uma diferença tão dramática do outro que nota mais em contraste com ele. O foco torna-se o que não está lá e no que não está a funcionar, em vez de se centrar nas coisas que funcionam. Mesmo quando tem aquelas conversas onde fala consigo mesma e diz “Bem, isto não é o que eu quero que funcione. Isto é como eu vou ajudar para que funcione. Isto é o que eu vou fazer.” Está a debilitar- se porque existe uma parte sua que simplesmente não acredita, em que isso não ressoa.
Assim, quando estais numa relação e vos questionais sobre qual a melhor direcção para onde irdes, é sempre essencial que recueis para dentro de vós, que ides para a essência do vosso núcleo e vos coloqueis nesse lugar de sintonia, como haveis feito na jornada desta tarde. Depois, a partir desse espaço quando começais a olhar à volta para tudo, ainda que a pessoa com quem estivestes no ano passado não seja a pessoa real com quem estaríeis no futuro, se isso representa algo que é mais do que procurais, então isso precisa de ser o vosso caminho. Ou se podeis reconhecer isso quando estais no espaço do núcleo da vossa essência e, quando reconheceis que estais a criar a abertura, o alinhamento, o que seja dentro de vós e permitis que isso seja a vossa divindade, então não importa com quem estais. Podeis ainda sentir esse entusiasmo, essa alegria, essa consciência porque a base vem de dentro e espalha-se em todos ao redor. Isto faz sentido para vós, querida?
Faz e eu adoraria fazer isso e não olhar para ninguém para fora de mim para me ajudar a sentir a minha divindade mas, sabeis, nós temos as nossas relações, parcerias e eu espero poder fazer isto, espero que eu possa encontrar essa divindade, essa centelha e essa ligação com a fonte, não importa com quem esteja.
Bem, nós pensamos que há muito mais lá e muito mais que prevalece dentro de vós do que aquilo a que dais crédito e, à medida que mudais o vosso foco das pessoas fora de vós e se torna mais claro dentro de vós, então, quando vos virais e olhais as pessoas isso ajudará a esclarecer as situações.
Se estais a perguntar “vou estar estar mais tempo com a pessoa com quem tenho estado e pai da minha criança? Vou estar com mais alguém, seja ele um terceiro indivíduo não conhecido? Vou estar sozinha?”, todas estas questões que nós sentimos que rodam ao vosso redor. Neste ponto, não nos parece que haja realmente uma forte preferência de um ou outro caminho porque a vemos dividida. Deste modo, seja através de meditação, através de diários, através do que quer que seja que funcione, como encontrais esse alinhamento interior, também sentimos que, precisamente porque estais ocupada entre o trabalho, a família, as várias coisas que andam à sua volta, colocais o tempo para vos nutrirdes a vós própria no final da lista. É outra maneira de criar desconexão interior, então mudai para cima, mais perto do topo da lista, e permiti-vos ter esse tempo. Deixai-vos ter esse tempo e, então, ireis descobrir que um dia é como se acordásseis, ou como uma porta se abrisse, como se subitamente parecesse terdes uma sensação de correcção e uma sensação de conhecimento. As relações afectivas não vão embora, não vão mudar de uma maneira mágica mas, à medida que vos permitis uma maior clareza interior, então a percepção de tudo também muda.
Oh, espero ansiosamente por isso. Muito obrigada.
Não tem de quê, querida.
Pergunta: Olá Deusa. (Olá) O que eu queria perguntar era…ao longo de toda a minha vida eu estive num estado de confusão por não fazer o que sentia que deveria estar a fazer. Trata-se de uma carreira, tenho andado dentro e fora de várias carreiras e empregos que não têm sido satisfatórios. Estou meio perdida nesta altura. Há certas coisas que eu gostaria de fazer e não estou segura se elas são realistas para mim, nesta altura da minha vida.
Resposta: Ao olharmos para vós temos a sensação de um potencial, uma sensação de consciência, um senso de grandeza, o que queirais chamar-lhe, que é na verdade a representação da vossa divindade que estais a manter fora de vós. Quando dizeis que pensais que há mais, que há mais alguma coisa, nós concordamos que há. Vemos como uma bolha de energia, uma bolha de potencial que estais a carregar dentro e ainda em cima de vós. Essa ligação com o que está dentro faz-vos pensar ou traz à tona a sensação de descontentamento ou a sensação de algo mais. Parece que, por um lado, seria útil serdes um pouco mais claro consigo próprio, fosse escrevendo as coisas ou priorizando as coisas; de certo modo, de alguma maneira parece que é necessário que haja mais ancoragem em relação a isso. Quando inspirais profundamente estais a alcançar esses potenciais e, de modo consciente, trazei-os para o vosso corpo físico. É uma maneira de aterrar esses potenciais e essas coisas que parecem maiores do que vós, para o que sois como pessoa física. Sentimos que nem tudo acontecerá de uma vez e que uma mudança pode não ser aparente para vós neste período imediato. Mas, a primeira coisa que sentireis, é um sentimento de consciência e de maior contentamento. Depois, conforme olhais para os empregos ao redor, conforme olhais para o que estais a fazer, ainda que não seja a coisa exacta que quereis fazer, haverá alguma coisa nisso que vos parecerá melhor. Por isso o nosso primeiro sentido de vos dizer para realmente, verdadeiramente, trazerdes para baixo para o vosso corpo físico essas coisas que sentis que estão longe.
A outra coisa que podeis fazer é entrar na vossa presença Eu Sou. Deixai-vos expandir. Expandir e alinhar com a vossa divindade é a melhor maneira de vos apoiar ou ajudar enquanto trazeis essas coisas para a vida do dia-a-dia. Isto ressoa convosco, querida?
Sim, ressoa. Suponho que preciso realmente também de tratar da minha mente.
Pensamos que, conforme fizerdes isto, será mais fácil ajustar a vossa mente. É difícil tratar da mente quando não se está aterrado. Do mesmo modo, quando algo parece como um conto de fadas ou algo tão longe, isso torna difícil tomar as medidas necessárias para o tornar uma realidade. Assim ao ancorar isso no vosso campo de energia, traz para mais próximo de vós e torna-o mais real conforme dais os passos para o tornar realidade.
É o que preciso de colocar nas minhas meditações, a aterragem.
Exactamente!
Está certo, muito obrigada.
De nada, minha querida.
Pergunta: Olá Deusa, espero conseguir colocar a questão de maneira correcta, é difícil compor as palavras. A questão é acerca de culpa e responsabilidade. Parece que tenho dificuldades em lidar com a crítica quando as pessoas me querem culpar de alguma coisa. Eu justamente não sei como me desculpar de uma maneira em que aceite a responsabilidade, mas não a culpa. Eu realmente não gosto de ser culpado e hoje mais cedo senti como se estivesse a ser culpado por algumas coisas e penso que não mereço toda a culpa que me foi atribuída.
Resposta: Ao olharmos para isto, vemos que há diversas leis para isto. Primeiro que tudo, com a sua sensibilidade assumis coisas que não são para assumirdes. Mas fazei-lo porque sois sensível, a energia está lá, são descartadas em si e em vez de vos afastardes para o lado e deixar que elas passem por vós, elas colam-se a vós e tornam-se parte das coisas que vos podem estar a incomodar na vida diária. Essa sensação de que as coisas não são responsabilidade sua vem, em parte, de fazer delas uma responsabilidade sua.
A outra coisa, que consideramos como uma parte desta, é que quando sentis que alguém o está a culpar ou a atacar, isso leva-a para uma sensação de vulnerabilidade e de estarem em cima de si. Sabemos que toma esta energia para si; sabemos que é alguém que é consciente na sua maneira de viver. Se há alguma coisa pela qual é responsável, assumis a responsabilidade. Pelo mesmo motivo, se ela não é sua, ao afirmar “não é minha responsabilidade”, podeis apreciar ou sentir que a pessoa está muito aborrecida, seja o que for que torne “real” a situação. Ao afirmar em voz calma, tranquila, e depois inspirar fundo e expirar, libertando-o. O que estais a fazer é afirmar a sua opinião, afirmar-se a si mesmo fazendo isso e, da mesma forma, não assumis o que não é vosso. Em vez disso, expressais o que quer que seja, de seguida colocando de volta na outra pessoa.
Agora quando as pessoas estão num julgamento, criticando e quando elas interagem é como se houvesse um trauma ou um drama que se está a passar e que vos puxa para trás e para diante, para trás e para a frente. Á medida que o fazeis, ficais interiormente mais desconectados porque sois apanhados nisto; e isso torna-se alguma coisa baseada no ego. Ao permitirdes recuardes um passo, seja ele um passo físico ou um passo energético para trás, quando vos desconectais de que experiência seja, isso permitirá que volteis uma vez mais para esse espaço de equilíbrio dentro do vosso eu, esse espaço que é a vossa divindade. Absolutamente podeis sentir-vos mal, podeis sentir-vos ainda culpado, podeis ainda sentir remorsos; podeis sentir o que seja que as emoções humanas são. Mas como reafirmais o que sois na vossa divindade, descobrireis que há medidas que podeis tomar que vos levarão para o próximo passo de consertar as coisas com a pessoa. ou podeis encontrar informação que vos chegará e reconhecereis que o que foi dito ou feito não foi no vosso melhor interesse. Podeis aceitá-lo e expressá-lo e continuar a partir daí.
A chave tem a ver que, quando se entra no lugar do ego, do drama e da altercação, isso não ajuda ninguém. É recuar um passo atrás, equilibrar-se interiormente e então voltar para o que quer que seja que precise de ser resolvido. Isto faz sentido, querido?
Sim, faz, obrigada.
Parece-nos que as coisas de hoje cedo não foram inteiramente resolvidas como se houvesse ainda algo mais que pudesse dizer ou fazer. O tempo será certo e vós sabereis o que fazer e isso passará.
Está certo, obrigada.
De nada.
Pergunta: Deusa? (Olá) A minha pergunta é… Estou neste momento na fase em que a meditação foi muito boa a tornar claro o que estava a causar-me bloqueio. Estou a tentar arranjar emprego, que não tenho desde há muito tempo. O bloqueio que eu cuidei, a meditação funcionou muito bem, penso eu. Mas estou a tentar perceber qual o próximo passo a dar. Não consigo focar-me ou perceber exactamente o que devia fazer. Eu tenho muitos interesses com alguma experiência e talentos que os acompanham, mas não consigo descobrir o que fazer na etapa seguinte. É uma sensação debilitante.
Resposta: Enquanto olhamos para si a falar de trabalho, potenciais e ideias, vemos que o que lhe está a acontecer é que foi apanhado com o aspecto analítico do que deveria estar a fazer que lhe iria trazer mais dinheiro, ou que pensa que seria melhor uma carreira. E então quando volta para o lugar do que ressoa consigo e faz o seu coração cantar, parece alguma coisa muito diferente do que o que pensava que devia estar a fazer. É quase como se colocasse ao universo este desejo: “Eu realmente desejo poder fazer isto, mas vou ser lógico, vou ser prático e, em alternativa, vou fazer isto”. Isto cria estes dois lados ou aspectos de si, que competem um com o outro, para dominar sobre o que vai ganhar. A percepção que nos chega é que, de novo, tal como a pessoa antes de si, quando entra na sua personalidade ou entra em alguma coisa muito presa à terra e se afasta da sua divindade, então entra em algo que diz que tem que ser um ou outro, não pode ser tudo. Quando estiver em sintonia com a sua divindade, quando tomar tempo a cada dia para experimentar a sua divindade e deixar que ela esteja dentro e à sua volta, começará então a ver os diferentes potenciais que permitem que tenha essas coisas mágicas que gostaria de ter de uma maneira prática. É quase como se juntasse isso de um modo mais combinado. Depois verá que a sua vida se torna a manifestação de algo mais forte, mais equilibrado, de uma parte mais harmonizada de si em vez de alguma coisa mais desconectada. Isto faz sentido para si, amado?
Sim.
Também vemos que não tem sido capaz de arranjar um emprego ou de ficar num emprego porque se tem centrado muito num lado ou no outro. Assim, se puder mudar o processo de pensamento, se puder mudar a sua crença, sentimos que uma afirmação para si pode ser uma coisa nesta linha: “Eu estou a escolher a minha vida tendo uma realidade diária que reflecte a minha alegria e a minha abundância”, ou pode fazer a que lhe parecer certa. Se acordar e disser mesmo que seja para si mesmo, escreva-a, ou inspire-a; seja como for que queira fazer. Conforme começa a ter um sistema de crenças e o alinhamento mental que acompanhe isto, sentirá que é mais real e isso será a sua realidade. É quase como se as coisas se acelerassem e se manifestassem muito mais rapidamente para si.
Certo, certo, farei isso. Muito obrigada.
Tudo bem, amado, não tem de quê. De novo, Eu relembro-o para se nutrir a si mesmo. Lembre-se de arranjar tempo para se amar a si mesmo. Lembre-se de reconhecer que sente a frustração de procurar emprego de mais e de não ser feliz com as coisas. É a indicação de mais uma vez ser separado. Então, traga tudo para si junto de volta, como se estivesse a enrolar uma fita em torno de si mesmo. Traga tudo de volta, misture, respire então tudo para dentro de si. Ao fazê-lo, estará mais uma vez a afirmar quem é e o que de verdade deseja manifestar na sua vida.
Está bem, muito obrigada.
Está certo, amados amigos e família, com isto encerramos a sessão desta tarde. Eu estou sempre disponível para vós. Eu vejo-vos pelo que sois, vejo-vos como o humano, vejo-vos como a vossa divina essência. Deixai que a vossa própria consciência se abra para vos verdes também. Vós sois uma tão bela essência de luz! Não vos esqueceis nos dias que se seguem de que tendes mais ferramentas disponíveis do que antes.
Abri-vos para trabalhar com as energias cristalinas. Abri-vos para a vossa divindade. Abri-vos para permitir o tipo de vida que verdadeiramente vós gostaríeis como se estivésseis explodindo com os braços abertos. (Respiração profunda) Aceitai toda a alegria, a abundância e a magia que podem ser vossas!
Eu estou sempre com e dentro de vós,
Ansaluia
________________________________________
Shelly Dressel canalizando a Deusa da Criação. Todos os direitos reservados. Convidamo-lo a partilhar esta informação, mas pedimos que não retire nenhum excerto do corpo do texto e que respeite os direitos autorais desta mensagem. Para mais informações, por favor visite o nosso sítio na Web: www.goddesslight.net

Fonte:http://www.goddesslight.net/goddess-channels/working-with-the-column-of-lightbody-energy.htm

Tradução: Ana Belo anatbelo@hotmail.com
Gostou! Indique para seus Amigos.